Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!
Famosos / SUSTO

Seis meses após complicações causadas pela Covid-19, Carla Prata revela sequelas: "Estou de cama"

Em relato comovente, ela conta que teve a doença em setembro, se curou do vírus, mas sintomas ainda permanecem

Redação Contigo! Publicado em 30/03/2021, às 08h06

Reprodução/Instagram - Seis meses após a Covid-19, Carla Prata revela sequelas: "Estou de cama"
Reprodução/Instagram - Seis meses após a Covid-19, Carla Prata revela sequelas: "Estou de cama"

A ex-bailarina e modelo Carla Prata revelou que segue com sequelas da Covid-19 mesmo após seis meses do contágio pela doença. Em uma entrevista, ela contou que sente uma "fadiga crônica", sintoma relatado por muitos pacientes que contraíram o vírus.

"Estou de cama desde sexta-feira. Um cansaço que eu mal consigo levantar da cama", disse ela ao jornal Extra. Na conversa, a ex-bailarina do Faustão também disse que sofreu outra complicação: uma trombose.

"Acho que estou com essa síndrome da fadiga crônica, que muita gente tem no pós-Covid, assim como muitos têm tromboso e embolia pulmonar por conta da doença. Fico apreensiva de não saber até quando sentirei esses sintomas. As pessoas têm muito medo da Covid em si, e eu quase morri no pós. Comecei a sentir uma dor absurda na perna e fiquei dois dias internada. Eu podia ter morrido. É tudo muito perigoso, tanto a Covid, quanto o pós", declarou ela.

Sem energia para se exercitar, ela ganhou peso e segue lutando pela recuperação.

"Engordei 8kg na pandemia. Não posso fazer uma atividade física mais pesada, um crossfit ou uma corrida, por exemplo", afirmou ela.

MAIS DRAMA

Recentemente,  Carla Prata comoveu os fãs ao contar no TV Fama a luta para levar uma vida normal após descobrir que sofre de miastenia, uma doença autoimune.

"Eu sou muito abençoada. Muitas pessoas que tem a minha doença já morreram, muitas não. É muito louca, em cada pessoa ela age de uma maneira. É uma doença autoimune, ela é neuromuscular", explicou ela.