Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!
Famosos / Polêmica familiar

Mãe dos filhos de Gugu Liberato desabafa: 'Não vou viver de migalhas'

Rose Miriam Di Matteo rebate briga na justiça pela herança de Gugu: 'Tenho direito'

Redação Contigo! Publicado em 31/01/2020, às 16h06 - Atualizado às 16h14

Mãe dos filhos de Gugu Liberato, Rose Miriam desabafa - BrazilNews
Mãe dos filhos de Gugu Liberato, Rose Miriam desabafa - BrazilNews

Mãe dos filhos de Gugu Liberato, Rose Miriam Di Matteo falou abertamente sobre as brigas com a família do apresentador após a morte dele. Em entrevista ao site da Revista Veja, ela desabafou sobre o conteúdo do testamento dele e a batalha na justiça para ser reconhecida como viúva dele e ter direito à herança.

“Éramos uma família, apenas não morávamos debaixo do mesmo teto. O conceito de união estável não define que é preciso morar juntos. A família dele não me quer como meeira. Mas tenho esse direito, não vou viver de migalhas. Vou tirar meu sustento do que me pertence”, afirmou ela.

Rose ainda falou sobre a irmã de Gugu, Aparecida Liberato, ter sido indicada como 'curadora' dos filhos do apresentador após a morte dele. “Isso é um absurdo. Não sou retardada mental, cuido das minhas filhas. Como aceitar um testamento desses? Hoje não tenho acesso a nada. Eles depositam dinheiro para o João. Tive que pedir dinheiro emprestado a uma amiga para fazer compras de mercado”.

Para finalizar, a mãe dos adolescentes acusou a família de Gugu de fazer alienação parental com os filhos dela. “O João está sob efeito de alienação parental, a Aparecida liga todo dia fazendo um terror na cabeça dele e diz que quero tirar dinheiro dos meus filhos. É um transtorno. Fiz um testamento e uma declaração em cartório assegurando que tudo o que é meu irá para os meus filhos”.

DEPOIMENTO DA MÃE DE GUGU

Dona Maria do Céu, mãe do apresentador Gugu Liberato, deu a primeira entrevista após a morte do apresentador. Em entrevista para a VEJAa senhora de 90 anos contou todos os detalhes do pesadelo que viveu em novembro do ano passado. Questionada sobre como descobriu a notícia, Maria do Céu fez um relato comovente.

"A minha filha (Aparecida) chegou em casa quando eu estava na cozinha. Ela pediu que eu fosse até a sala, achei estranho. Quando me falou que o Toninho sofreu um acidente (choro)… Fomos direto ao aeroporto, eu embarquei com a roupa que estava vestindo. A confirmação da morte foi no hospital. Não gosto de pensar nesse exato momento. Mas parecia que algo iria acontecer", revelou ela.