Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!
Famosos / POLÊMICO

Promotora se manifesta e pede cassação do cachê de Ludmilla após "fazer o L" em show

Promotora se manifesta e defende a cassação do cachê de R$ 200 mil de Ludmilla após uma possível manifestação política em show

Redação Contigo! Publicado em 28/06/2022, às 15h23

Ludmilla foi proibida de receber seu cachê de um show por uma suposta manifestação política - Reprodução/Instagram
Ludmilla foi proibida de receber seu cachê de um show por uma suposta manifestação política - Reprodução/Instagram

Após "fazer o L" durante seu show na Virada Cultural de São Paulo, realizado no dia 29 de maio, Ludmilla poderá não receber o cachê por sua apresentação no evento. A decisão foi feita pelo MPSP (Ministério Público de São Paulo), que se manifestou pela suspensão do pagamento pela prefeitura da capital.

De acordo com a promotora do caso, Eloisa Franco, existem “fortes indícios de violação a princípios como impessoalidade, moralidade administrativa e legalidade” no ato da cantora. Ela também compara a ação com um "showmício", proibido pela legislação eleitoral.

De acordo com o jornalista Fábio Zanini, colunista do jornal Folha de São Paulo, o responsável pela proposta da ação foi o vereador Fernando Holiday (NOVO).

Em sua defesa, a cantora chegou a se pronunciar nas redes sociais na época da apresentação, dizendo que o ato se refere à seu nome, que também começa com a letra L. Entretanto, para a promotora a justificativa da artista não é plausível, fazendo seu cachê de R$ 200 mil ser congelado pela prefeitura.

“Conforme se percebe, ao menos em uma análise perfunctória, há diversos elementos que apontam para um desvio de finalidade em tal contrato que deveria ter finalidade cultural”, diz ela na representação, defendendo a concessão de liminar pela justiça.

SILVERO PEREIRA REJEITA VERSÃO DE PERSONAGEM EM PANTANAL

Silvero Pereira foi ao Encontro nesta terça-feira (28) e falou sobre o seu personagem na novela Pantanal, o modelo gay Zaquieu. Ele revelou que teve certa rejeição ao personagem há 32 anos, quando assistiu a primeira versão da trama foi ao ar na Manchete, em 1990.

"Como eu era muito pequeno e ele era muito afeminado, e ele sofreu com essa questão, eu resolvi rejeitar um pouco o Zaquieu do João Alberto. Lembro de não querer me parecer com o personagem exatamente por aquelas questões que ele sofria", relatou o ator.