Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!
Famosos / E AGORA?

Power Couple: Cartolouco reencontra Rogério e define futuro de batalha judicial

Após acusações sérias no reality da Record TV, Cartolouco reencontra Rogério e esclarece situação; veja

Redação Contigo! Publicado em 23/06/2022, às 17h17

Power Couple: Cartolouco reencontra Rogério e define futuro de batalha judicial - Reprodução/RecordTV
Power Couple: Cartolouco reencontra Rogério e define futuro de batalha judicial - Reprodução/RecordTV

Participantes do Power Couple Brasil 6,Cartolouco e Rogério Silva, pai de MC Gui, se reencontram fora da casa e decidiram acertar as contas após as polêmicas que viveram no jogo.

Rogério, ao lado de sua companheira, desistiu do programa após o jornalista, supostamente, citar seu filho Gustavo, que já faleceu. Acontece que Cartolouco nega que a situação tenha acontecido. Diante dos acontecimentos, os dois se encontraram durante uma partida de futebol e conversaram sobre a situação.

Ao Notícias da TV, Cartolouco contou que o encontro aconteceu de forma tranquila e que ambos pediram desculpas ao outro, ele destacou, porém, que pretende seguir com a batalha judicial contra Rogério e Baronesa, pois sente que sua imagem foi prejudicada pela fala do ex-colega de confinamento,

"Vamos levar o caso à Justiça sim, porque foi uma coisa que prejudicou muito a nossa imagem. A gente vai levar à Justiça não por causa dele, para prejudicar o Rogério, não! É para, realmente, deixar muito claro que não aconteceu e isso não prejudicar a nossa imagem futuramente em trabalhos, coisas profissionais e pessoais", explicou.

O encontro foi divulgado inicialmente por MC Gui nas redes sociais. Apesar de parecer que tudo foi acertado, Cartolouco e Rogério contas versões diferentes do encontro. Cartolouco afirma que foi Rogério quem o procurou, enquanto o pai do funkeiro garante que aconteceu o contrário.

FORA DO JOGO

Cartolouco contou ainda que não deseja levar as coisas que aconteceram na casa para a vida. Ele garante que os problemas do jogo ficaram lá e que não deseja viver em guerra com o colega.

“Deixei claro para ele que não falei nada sobre o filho dele, o Gustavo, que ele tinha falado aqui fora, que ele tinha me acusado de falar sobre o filho. Não pode viver em pé de guerra com uma pessoa para sempre. Foi tudo muito triste o que aconteceu lá dentro, entre nós, ele e a Baronesa. Então, a gente não precisa viver desse jeito para sempre, com briga, confusão”, explicou.