Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!
Famosos / Perigo

Na UTI, Claudia Rodrigues passa por tratamento de alto risco em luta pela vida: "Pode ocorrer o óbito"

Interação entre medicamento e vacina pode ter consequências imprevisíveis; entenda

Redação CONTIGO! Publicado em 15/07/2021, às 17h51

Claudia Rodrigues encara tratamento de alto risco - Reprodução/Instagram
Claudia Rodrigues encara tratamento de alto risco - Reprodução/Instagram

Claudia Rodrigues está novamente lutando pela vida.

Nesta quinta-feira (15), a empresária Adriane Bonato fez um desabafo nas redes sociais. Muito emocionada, ela revelou o drama da atriz, envolvendo a vacina contra a Covid-19 e a esclerose múltipla.

Por causa de uma possível interação entre as medicações, Claudia teve de interromper o tratamento para ser vacinada com a primeira dose. "Ela não poderia tomar a medicação no meio, porque a gente não sabe os efeitos, poderia até ocorrer o óbito", contou a empresária.

Só que a interrupção fez com que a artista entrasse em um quadro preocupante de saúde: "O que ela tá tendo é um aviso de um possível surto". Segundo Adriane, o surto pode ter "consequências trágicas" e, por isso, foi decidido que ela receberá uma aplicação da medicação mesmo com risco de ter uma reação, que pode inclusive levar à morte.

A empresária também mostrou estar revoltada com um detalhe: na bula da vacina da Pfizer, o período mínimo entre as doses é de 21 dias, o equivalente a três semanas. No entanto, no Brasil, ela é aplicada com intervalo de três meses. "Se tivessem escolhido três semanas, ela já tava imunizada e não tava passando por nada disso", detonou Adriane. Confira o desabafo:

FILHA COM COVID-19

Iza Hieatt levou um susto nesta terça-feira (13) com diagnóstico de Covid-19.

A filha de Claudia Rodrigues teve a surpresa desagradável, de acordo com a assessoria da atriz. Não há maiores detalhes sobre o estado de saúde da jovem de 19 anos.