Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!
Famosos / Tragédia

Monica Iozzi reage à morte de Bruno Pereira e Dom Phillips: "Triste, indignada"

Após corpos que seriam de Dom e Bruno serem encontrados, Monica Iozzi reage e critica posição do governo no caso; veja

Redação CONTIGO! Publicado em 13/06/2022, às 09h52

Monica Iozzi reage à morte de Bruno Pereira e Dom Phillips: "Triste, indignada" - Reprodução/Instagram
Monica Iozzi reage à morte de Bruno Pereira e Dom Phillips: "Triste, indignada" - Reprodução/Instagram

A atriz Monica Iozzi reagiu à notícia da localização de corpos que seriam de Bruno Pereira e Dom Phillips nesta segunda-feira (13).

Nas redes sociais, a famosa se indignou com o destino do indigenista e do jornalista, que supostamente morreram enquanto registravam a luta de indígenas na região do Vale do Javari, no Amazonas. A esposa de Dom revelou que dois corpos foram localizados, mas ainda não houve identificação oficial.

"Sinto muitíssimo! Estou tão triste, tão indignada… O Brasil é o quarto país no mundo mais perigoso para ambientalistas! Ficamos atrás apenas de Colômbia, México e Filipinas. Só no ano de 2021, 20 pessoas foram mortas por defender o meio ambiente no nosso país", expôs ela na legenda de uma foto dos dois.

Ela critica o presidente Jair Bolsonaro por culpar os dois pela tragédia: "E nosso presidente, ao invés de trabalhar para que este tipo de violência pare de acontecer, disse o seguinte sobre o desaparecimento de Bruno e Dom: 'Duas pessoas apenas, em uma região daquela, completamente selvagem, é uma aventura que não é recomendável que se faça. Tudo pode acontecer. Pode ser um acidente, pode ser que eles tenham sido executados'".

"Ou seja, para o nosso presidente é melhor que ninguém nem tente investigar o tráfico de drogas, os garimpos ilegais e o desmatamento que ocorrem na Amazônia. Deixa os caras de boa lá 'trabalhando'. Se tentar fazer algo, é por sua conta e risco. Toda minha solidariedade as suas famílias e amigos. Eles podem matar as pessoas, mas não suas ideias", completou. Confira: