Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!
Famosos / DESABAFO

Matheus & Kauan negam que festa era clandestina e dizem que foram enganados: "Desrespeitou o acordado"

Em comunicado enviado à imprensa, dupla sertaneja dá a sua versão após força-tarefa fechar o evento; veja

Redação Contigo! Publicado em 12/07/2021, às 08h36

Matheus & Kauan negam que festa era clandestina e dizem que foram enganados: "Desrespeitou o acordado" - Reprodução/Instagram
Matheus & Kauan negam que festa era clandestina e dizem que foram enganados: "Desrespeitou o acordado" - Reprodução/Instagram

A dupla Matheus & Kauan se pronunciou na noite deste domingo (11) e revelou que não tinha conhecimento da venda de ingressos na festa na qual se apresentava neste final de semana.

Segundo a dupla, a contratação era para uma festa familiar. Eles também alegam que pediram respeito a todos os protocolos sanitários.

"A dupla foi contratada para realizar uma presença VIP no aniversário de Lucyana Villar, no dia 10 de julho de 2021 em uma pequena confraternização para familiares e amigos. No ato da contratação foi afirmado pelo contratante que seriam seguidos todos os decretos que regulam concentração de pessoas, adotando protocolos de segurança e que não haveria venda de ingressos", dizia o comunicado enviado à imprensa. 

Na nota, os sertanejos também dizem que foram enganados e que não sabiam que haveria aglomeração.

"Infelizmente a parte Contratante não respeitou o pactuado, efetuando venda de ingressos sem nenhum comunicado e autorização, bem como também desrespeitou o acordado no que tange ao números de pessoas no local. O departamento jurídico que assessora os artistas adotará as medidas cabíveis relativo ao descumprimento do contrato", encerra a nota.

A festa na qual eles se apresentavam foi fechada pela força-tarefa Comitê de Blitze, composto pela Polícia Civil e Militar, Guarda Civil Metropolitana, Vigilância Sanitária e Procon. Segundo as investigações, havia cobrança de até R$ 1,6 mil em ingressos e aglomeração sem máscaras.