Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!
Famosos / RECONHECEU

Marília Mendonça volta a se pronunciar após acusação de transfobia: ''Nada apaga meu erro''

Cantora disse que irá se retratar na próxima live para dar a visibilidade que o caso merece

Redação Contigo! Publicado em 10/08/2020, às 18h57 - Atualizado às 18h58

Marília Mendonça fala sobre caso de transfobia - Instagram/Twitter
Marília Mendonça fala sobre caso de transfobia - Instagram/Twitter

Marília Mendonça voltou a falar sobre o caso em que fez uma piada nada agradável durante uma live. A cantora, que já havia se desculpando após ter sido acusada de transfobia, fez um desabafo sincero em suas redes sociais.

No Twitter, a sertaneja falou que refletiu muito sobre o assunto e que algumas pessoas trans estão ajudando-a no processo de desconstrução. Ela garantiu ainda que sabe que nada vai apagar o erro que cometeu.

“Passei o dia todo refletindo. E depois de refletir tanto, refaço o meu pedido de desculpas. Aproveitei para aprender mais sobre o assunto. Sobre como ajudar. Tem muita gente do coração bom e explicativo (ainda bem) que mesmo sofrendo com piadas como a minha me ajudam a evoluir”, escreveu ela.

A musa contou que deixará para se retratar na próxima live, alcançando assim a mesma visibilidade que teve quando cometeu o erro.

“Acho que esse é o caminho. Estarei aprendendo todos os dias e repassando o que aprender. Me retratarei na próxima live, com a mesma visibilidade que teve a piada sem graça. Conto com vocês, pra me ajudarem a evoluir e me descontruir todos os dias. Muito obrigada a todas as mensagens de carinho, mas isso não apaga meu erro. Somos humanos, mas não é por isso que não devemos buscar sermos melhores a cada dia. O debate é necessário. O linchamento de nada serve. Obrigada a quem teve paciência de explicar”.

ALFINETADA:

A cantora Pabllo Vittarquebrou o silêncio na manhã desta segunda-feira (10) e lamentou o polêmico comentário da sertaneja Marília Mendonça em sua live neste último fim de semana.

No Twitter, Vittar deu uma alfinetada nos músicos na banda da mamãe de Léo e mostrou sua indignação com a piada sem graça: "O ano é 2020 e ainda tem gente que acha engraçado fazer piada transfóbica", lamentou.

Veja: