Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!
Famosos / Exemplo!

Mariana Rios desabafa após perder primeiro filho e destaca sua fé: ''O sofrimento é opcional''

Atriz abriu o coração no 'Encontro' sobre a perda do primeiro bebê e surpreendeu todos com desabafo

Redação CONTIGO! Publicado em 22/07/2020, às 11h55 - Atualizado às 14h13

Mariana Rios desabafa após perder primeiro filho e destaca sua fé: ''O sofrimento é opcional'' - Arquivo Pessoal
Mariana Rios desabafa após perder primeiro filho e destaca sua fé: ''O sofrimento é opcional'' - Arquivo Pessoal

Muito emocionada, Mariana Rios participou do Encontro desta quarta-feira (22) e abriu o coração ao falar sobre o momento difícil que viveu: ela sofreu um aborto espontâneo e perdeu aquele que seria seu primeiro filho.

Sempre discreta, ela surgiu sóbria e disse que se apegou à fé após o momento delicado.

"Foi muito importante falar. Mas, mais importante ainda, foi receber as mensagens e histórias que as mulheres dividiram comigo. Isso foi de grande valor para mim. Eu tenho muito a agradecer a todas essas mulheres. Você se vê no outro, a dor do outro é onde você se encontra também, então você se enxerga no outro. Sou uma pessoa que fala muito pouco da minha vida pessoal, da minha intimidade, senti uma necessidade muito grande de falar. A repercussão foi uma coisa que eu não esperava", começou dizendo.

De casamento marcado com Lucas Kalil, ela ainda destacou sua força religiosa como um dos refúgios mais valiosos para superar o drama.

"A dor e a tristeza são inerentes aos seres humanos, mas o sofrimento é opcional. Nós vamos passar por milhares de problemas nessa existência, na nossa vida. Mas o que mais diferente uma pessoa da outra é como cada um vai lidar com o seu sofrimento e sua dor. Não se permitir entrar nesse lugar que é gostoso de ficar quando você sofre", afirmou ela.

"Todo dia, o sol vai brilhar para todo mundo, nós vamos ter outras oportunidades. Que a gente consiga passar pela nossa dor com uma certa expansão de consciência, sentindo que preciso daquilo para o meu crescimento como pessoa, espiritual", explicou.