Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!
Famosos / Indignada

Juliana Paes se posiciona a sobre caso Goleiro Bruno e faz campanha: ''Meu ídolo não é feminicida''

Indignada, atriz se posicionou contra Goleiro Bruno; entenda

Redação Contigo! Publicado em 10/01/2020, às 13h44 - Atualizado às 13h45

Juliana Paes se posiciona contra goleiro Bruno - Reprodução/Instagram
Juliana Paes se posiciona contra goleiro Bruno - Reprodução/Instagram

Normalmente bem reservada quanto às opiniões, Juliana Paes se posicionou a respeito do caso do goleiro Bruno.

A atriz publicou na tarde desta sexta-feira (10) um texto em que fala a respeito da contratação de Bruno pelo time Fluminense da Feira. Embora o clube tenha desistido da contratação, o posicionamento da jornalista Jessica Senra, apresentadora da TV Bahia, filiada da Globo, viralizou nos últimos dias.

Impactada pela fala de Jessica, Juliana resolveu começar uma campanha. "Nessa segunda-feira, Jessica me surpreendeu e me comoveu com a sua coragem, ousadia e inteligência ao defender seu posicionamento contra um clube de futebol que desejava contratar o goleiro Bruno, condenado por um crime bárbaro de assassinato à mãe de seu filho. Eu como mulher, e defensora da causa da violência contra a mulher, queria dizer que estou muito orgulhosa de você, Jessica. E queria convidar todos meus seguidores, pessoas e marcas, a verem o vídeo completo do seu discurso e compartilharem uma foto nos seus perfis com a hastag #meuídolonãoéfeminicida para que mais pessoas vejam dessa história", escreveu Juliana.

A atriz marcou as colegas Deborah Secco, Maria Joana, Sabrina Sato, Julianne Trevisol e Agatha Moreira para chamá-las para a campanha. A fala de Juliana não chegou à maior parte dos seguidores, que preferiram apenas elogiar a beleza da atriz e ignorar o chamado para combater o feminicídio.

Juliana Paes se posiciona contra goleiro Bruno