Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!
Famosos / EITA!

Humberto Martins revela perrengue ao usar comprimidinho azul: "Cabeça quase explodiu"

Aos 61 anos, Humberto Martins revela perrengue ao usar o medicamento para ereção; veja

Redação Contigo! Publicado em 06/07/2022, às 11h30

Humberto Martins revela perrengue ao usar comprimidinho azul: "Cabeça quase explodiu" - Reprodução/Instagram
Humberto Martins revela perrengue ao usar comprimidinho azul: "Cabeça quase explodiu" - Reprodução/Instagram

O ator Humberto Martins desabafou em uma entrevista e contou que já fez uso do famoso comprimidinho azul que ajuda na manutenção da ereção.

Em entrevista ao podcast Papagaio Falante, ele disse que a experiência não foi das melhores. 

"Tomei uma vez e passei mal. Minha cabeça quase explodiu", declarou ele.

Na conversa, o ator também relembrou o ensaio de nu frontal que fez para uma revista. 

"Foi uma tentativa de um cara, que montou essa revista, não era uma 'G magazine'. Era uma coisa chique, fina... Claro que eu não ia fazer se fosse uma coisa chula e desproposital. Tanto que eu fui quem montou o roteiro das fotos. Não ia tirar a roupa gratuitamente. Como eu sempre fico pelado no veleiro quando viajou...", afirmou ele.

O ator conta que negociou bastante para topar as fotos. "Depois teve a segunda edição, que eles queriam fazer um fotão, um nu frontal. A pedidos (do público). Negociação pra lá, pra cá... Foi no estilo 'Brasil 500 anos', e eu fazia 'Uga Uga', vestido de índio, usando tanga... aí resolvemos fazer assim. Teve uma proposta por trás. Tem que ter uma proposta por trás, porque gratuitamente não existe...", justificou.

Humberto Martins está com 61 anos. 

SUSTO

Recentemente, em outra entrevista, o ator Humberto Martins abriu o coração ao contar uma história desconhecida sobre o seu passado. Ele participou de uma live nas redes sociais e contou uma batalha que travou contra uma hepatite severa. Segundo o galã, seu peso chegou a ficar na faixa dos 57 kg.

"Estava me formando na escola de dramaturgia, faltava um ano para me formar e estava convicto que essa era a profissão que eu queria. Na peça final fiquei um período doente e tive hepatite. Os médicos não conseguiam entender os índices da doença", relembrou ele em uma live com a ex-paquita Andréa Sorvetão.