Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!
Famosos / EITA!

Pode isso? Gusttavo Lima vai receber R$ 1,2 milhão de dinheiro para saúde e educação

Prefeitura do interior de Minas Gerais contratou Gusttavo Lima que vai receber R$ 1,2 milhão; contrato ainda traz outras exigências

Redação Publicado em 28/05/2022, às 10h22

Chocante: Gusttavo Lima vai receber R$ 1,2 milhão de dinheiro destinado à saúde e educação - Reprodução/TV Globo
Chocante: Gusttavo Lima vai receber R$ 1,2 milhão de dinheiro destinado à saúde e educação - Reprodução/TV Globo

O cantor Gusttavo Lima vai receber um cachê de R$ 1,2 milhão para se apresentar na cidade de Conceição do Mato Dentro, em Minas Gerais.

Segundo informações do G1, ele foi contratado para um show que será realizado durante 32ª Cavalgada do Jubileu do Senhor Bom Jesus Do Matozinhos.

O que surpreende é que o cachê será pago com recursos da Compensação Financeira pela Exploração Mineral (Cfem), um tributo pago pelas mineradoras às cidades. Só que por lei, o dinheiro só poderia ser gasto com educação, saúde e na infraestrutura.

Também ao G1, o município justificou a contratação do show. "Eventos que tragam melhoria na vida da comunidade e ou investimento para o desenvolvimento econômico da cidade, são gastos advindos do turismo, para atrair turista fazendo com que a cidade receba de volta o investimento em quase que na sua totalidade em geração de renda, seja no comércio local, nos meios de hospedagem, nos bares e restaurantes, postos de gasolina, padaria, aluguel de casas, locação de espaços públicos, dentre outros, impulsionando a diversificação da economia local".

O contrato ainda traz exigências: ele prevê que a prefeitura arque com os custos da hospedagem de 40 pessoas da equipe do cantor "no melhor hotel da região”. Também estão fixados mais R$ 4 mil com alimentação.

MARIA RITA CRITICOU

Na última quinta-feira (26), a cantora Maria Rita detonou a atitude do cantor Gusttavo Lima, que recebeu R$ 800 mil de dinheiro público da Prefeitura de São Luís para fazer um show.

Após a situação vir à tona, o sertanejo afirmou que não tem a obrigação de "fiscalizar as contas públicas". Por outro lado, a filha de Elis Regina discordou e deu sua opinião sincerona sobre o assunto.

"Gusttavo Lima está errado. É justamente o artista (através de sua produção executiva) que tem que fiscalizar as contas do seu contrato, especialmente referente à Lei Rouanet, e shows para prefeituras, através do pagamento de impostos imediatamente após recebimento do cachê", afirmou ela em seu perfil.