Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!
Famosos / DRAMA

Grávida, Andressa Urach é internada em clínica psiquiátrica e desabafa: "Quase tirei meu neném"

Em publicação nas redes sociais, ela assustou os seguidores com relato do momento difícil que vive

Redação Contigo! Publicado em 23/09/2021, às 15h33

Grávida, Andressa Urach é internada em clínica psiquiátrica: "Quase tirei meu neném" - Reprodução/Instagram
Grávida, Andressa Urach é internada em clínica psiquiátrica: "Quase tirei meu neném" - Reprodução/Instagram

A modelo Andressa Urach desabafou nas redes sociais nesta quinta-feira (23) e revelou que ficou oito dias internada em uma clínica psiquiátrica. Ela disse que teve uma crise de seu transtorno de personalidade limítrofe, conhecido também como transtorno borderline.

"Ainda não estou pronta para falar sobre tudo o que está acontecendo na minha vida por causa do borderline. Mas quando eu ficar bem eu falo sobre esse assunto", declarou ela.

A musa citou que a tentativa de reaver as doações que fez para uma instituição religiosa a levaram ao momento limite que ela está vivendo.

"Lidar com a raiva pra mim é algo muito difícil e estou com muita raiva da Igreja Universal! Me sinto roubada, usada e enganada. Trabalhar o perdão pra mim é algo que só Deus para me ajudar", disse.  Porque a raiva que estou deles com o descaso com a minha alma é o mais decepcionante. Já implorei para me devolverem meus dois milhões e eles ignoram. Eles são muito ricos e o dinheiro está me fazendo muita falta!", completou ela.

Ao fim, ela afirmou que passou por dias tão difíceis que pensou em fazer algo contra o filho que espera.

"A minha maior decepção é ver que não estão nem aí pra minha alma/ A verdade é que eu fiquei internada 8 dias em um hospital psiquiátrico porque quase cometi suicídio e quase tirei meu neném. Se algo acontecer comigo saiba, Bispo Macedo, que o senhor vai se ver com Deus pelo que fez comigo", declarou ela.

Recentemente, a modelo relatou detalhes da luta que está enfrentando pela sua saúde mental.

"Eu tenho uma doença que se chama transtorno de personalidade limítrofe, também denominada transtorno de personalidade borderline. Acredite, não é fácil ser eu, e mais difícil ainda é para a minha família", começou ela.

Veja: