Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!
Famosos / EITA!

Gloria Perez rebate acusações do assassino de sua filha, Daniella: "Versões fantasiosas"

Gloria Perez rebate acusações de Guilherme de Pádua; ator criticou seriado lançado pela HBO Max

Redação Contigo! Publicado em 26/07/2022, às 14h28

Gloria Perez rebate acusações do assassino de sua filha: "Versões fantasiosas" - Reprodução/Instagram
Gloria Perez rebate acusações do assassino de sua filha: "Versões fantasiosas" - Reprodução/Instagram

A novelista Gloria Perez rebateu as falas de Guilherme de Pádua que tem criticado o seriado Pacto Brutal, produção original do HBO Max que investiga o assassinato de Daniella Perez.

Ele classificou a produção como "totalmente parcial", o que gerou uma resposta à altura. 

"A proposta era fugir do sensacionalismo para retratar a verdade dos autos. Era o que eu queria: que as pessoas entendessem porque as muitas versões fantasiosas apresentadas pelos assassinos não se sustentaram diante do júri, e porque os dois foram condenados por homicídio duplamente qualificado", disse ela ao jornal O Globo. 

Pacto Brutal teve colaboração total da autora, que é mãe da atriz que foi morta em 1992. Guilherme de Pádua Paula Thomasforam condenados pela morte da jovem. 

REPROVOU DOCUMENTÁRIO

No último domingo (24), o pastor Guilherme de Pádua resolveu se pronunciar após o lançamento de Pacto Brutal, documentário da HBO que expôs o assassinato cometido pelo ex-ator contra a atriz Daniella Perez em 1992.

Em um vídeo publicado em seu perfil privado, o religioso diz que não gostou que a produção da série não o contatou para mostrar o seu lado da história, mesmo que ele já tenha sido condenado por confessar o crime.

"Sem ter acesso aos autos, só no que eu me lembro de cabeça, porque eu precisei refrescar muita coisa, assistindo ao programa, eu consigo quebrar de forma devastadoras, algumas teses do que foi apresentado. É tão fácil, tão óbvio certas coisas que eles não vão dar acesso a vocês telespectadores", disse ele.