Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!
Famosos / EITA!

Giovanna Lancellotti relembra quando fugiu com Caio Castro de um hospital no Chile sem pagar: "Ele é mão de vaca"

Em entrevista, a atriz contou a história de quando o amigo fraturou a clavícula e não quis arcar com o custo

Redação Contigo! Publicado em 26/08/2021, às 14h09

Giovanna Lancelotti relembra quando fugiu com Caio Castro de um hospital no Chile sem pagar: "Ele é mão de vaca" - Reprodução/Instagram/GNT
Giovanna Lancelotti relembra quando fugiu com Caio Castro de um hospital no Chile sem pagar: "Ele é mão de vaca" - Reprodução/Instagram/GNT

Giovanna Lancelotti relembrou o dia em que fugiu de um hospital no Chile sem pagar junto com Caio Castro

Em entrevista para o "Que História é essa, Porchat?", ela contou sobre quando viu neve pela primeira vez em Valle Nevado, no Chile. Ela foi para o local a convite de uma revista, para esquiar e fazer algumas fotos. A atriz estava acompanhada de Caio Castro e mais dois amigos, que inclusive já tinham esquiado antes.

Sem experiência no esporte, ela pensou em fazer aulas, mas os amigos falaram que não era preciso. "Eles falaram: 'Pra que aula? Não precisa, nós três já esquiamos, a gente te ajuda, você vai com a gente'. Confiei".

Porém, Giovanna teve muita dificuldade para esquiar e acabou se perdendo dos amigos, ficando horas na neve sozinha. "Fiquei duas horas e meia perdida na neve. Sentei e comecei a chorar. Veio uma criança me ajudar".

Depois do primeiro perrengue, já no segundo dia da viagem, eles foram para a capital Santiago. Em um shopping, deram de cara com uma piscina de onda artificial, e Caio Castro quis surfar. "Eu falei 'Você não vai, né? Você mora no Rio de Janeiro, surfa lá. Não precisa. A gente tá na neve, não tem necessidade de surfar aqui'", ela deu risada enquanto contava a história.

"Ele foi, eu estava mexendo no celular quando eu só escuto um grito. Quando eu olhei, tava ele no chão, caído com a prancha. Falei 'fo***', nem pensei nele, pensei 'acabou a viagem'. Agora o menino vai me aparecer arrebentado, o que a gente vai explicar? Pensei: 'que foto a gente vai fazer?", revelou ela.

Logo em seguida ela contou que chamaram a ambulância: "Quando ele levantou eu pensei: 'a coisa foi feia'. Porque o braço dele estava tipo no umbigo". Os médicos pediam calma e o ator não parava de gritar de dor. 

Já no hospital, Giovanna Lancelotti contou que o médico explicou o que tinha acontecido: "Então, você fraturou sua clavícula em oito pedaços. Você precisa operar agora. Ou você vai agora operar no Brasil, ou você entra na sala de cirurgia e opera aqui"

A atriz, então, explicou que o amigo não queria operar no Chile. "Caio quis voltar ao Brasil. Enquanto isso, eu fui resolver a conta e a mulher falou que deu 3 mil pesos. Para quem não conhece o Caio, ele é a pessoa mais contraditória, ele é mão de vaca, tá? Ele falou que não ia pagar e eu também falei que não ia pagar. No final do corredor tinha uma porta de emergência. Ele olhou e falou a seguinte frase 'No 3, a gente corre'"

Após o acidente, eles não conseguiram fazer o trabalho que tinha planejado: "Ligamos depois para revista falando que aconteceu esse problema e que estávamos sem a carteira. Eles acabaram arcando com esse custo, o Caio teve que operar e botou placa de titânio"

AFFAIR

Carol Narizinho não esconde suas histórias de solteirice. Em entrevista ao Podcast Papagaio Falante, a ex-Panicat deu detalhes de seu envolvimento com Gabriel Medina.

Apesar de não terem namorado, a modelo revelou que os dois tiveram uma espécie de "amizade colorida" - pegação sem envolvimento.