Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!
Famosos / REVOLTA!

Giovanna Antonelli pede que Guilherme de Pádua seja levado a cadeira elétrica: “Nojo”

Giovanna Antonelli se revolta com pedido de desculpas de Guilherme de Pádua por assassinato de Daniella Perez e pede pena de morte

Redação Contigo! Publicado em 03/08/2022, às 20h36

Giovanna Antonelli pede que Guilherme de Pádua seja levado a cadeira elétrica - Instagram
Giovanna Antonelli pede que Guilherme de Pádua seja levado a cadeira elétrica - Instagram

Nesta quarta-feira (03), atriz Giovanna Antonelli expressou sua total revolta com o assassino da atriz Daniella Perez, filha da autora Gloria Perez, que foi brutalmente assassinada em dezembro de 1992 por Guilherme de Pádua e sua ex-esposa, Paula Thomaz.

Após o atual pastor evangélico compartilhar um vídeo em que aparece pedindo desculpas para a mãe da vítima e para o ator Raul Gazolla, na época casado com a jovem de apenas 22 anos, a artista global não escondeu sua revolta com o pedido feito por ele.

Nas redes sociais, o perfil Gossip do Dia compartilhou a gravação em questão e Antonelli fez questão de detonar a atitude do ex-ator. Nos comentários da publicação, ela disse que o assassino merecia ser levado a uma cadeira elétrica, instrumento de aplicação da pena de morte por eletrocussão usando antigamente.

“Cadeira elétrica! Nojo.”, escreveu ela, recebendo apoio se inúmeros seguidores, que também acreditam que o criminoso não deveria estar em liberdade após o crime que cometeu. “Nojo demais, dá até embrulho”, disse um admirador da atriz.

Veja:

Giovanna Antonelli

O PEDIDO

Condenado pela morte de Daniella Perez, o agora pastou Guilherme de Páduadesabafou nas redes sociais na última terça-feira (2). Ele foi pressionado pelos fiéis a pedir perdão.

 "Sempre disse que o meu maior sonho era poder pedir perdão", declarou. Segundo ele, muitos duvidam que ele realmente se arrependeu do crime. Por isso, ele resolveu gravar publicamente um pedido de perdão para Gloria Perez, mãe da atriz que foi brutalmente morta. 

"Mas talvez eu nunca vá ter uma oportunidade real de pedir perdão. Por isso Glória Perez, eu te peço perdão, por todo sofrimento que eu te causei. Eu jamais esqueci daquele encontro na carceragem. Nunca esqueci. Raul Gazolla, eu te peço perdão. Eu nunca esqueci do dia que eu fui chamado na delegacia, você estava lá e se arrastou até a mim. Me abraçou chorando. E ali eu vi que eu era a pior pessoa do mundo", disse ele.