Contigo!
Busca
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Youtube Contigo!Tiktok Contigo!Spotify Contigo!
Famosos / UÉ?

Verdade sobre suposta igreja para cultuar Jair Bolsonaro vem à tona

Após deixar muita gente chocada nas redes sociais, verdade sobre suposta igreja bolsonarista é descoberta; confira!

Renata Garre

por Renata Garre

rnogueira_colab@caras.com.br

Publicado em 14/05/2024, às 11h36

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Verdade sobre suposta igreja para cultuar Jair Bolsonaro vem à tona - Reprodução/Globo
Verdade sobre suposta igreja para cultuar Jair Bolsonaro vem à tona - Reprodução/Globo

Na última segunda-feira (13), um vídeo que circulou pelas redes sociais deixou muita gente chocada. Nele, um suposto pastor anunciava a abertura da Primeira Igreja Bolsonariana do país, que teria sido criada para culturar o ex-presidente da República Jair Bolsonaro

No vídeo em questão, o líder religioso chega a divulgar a data e endereço de inauguração, 05 de maio de 2024, às 19h. A gravação ganhou destaque ao ser compartilhada pelo pastor Hermes Carvalho Fernandes no Instagram, que se mostrou indignado com a situação. 

"Se me contassem, não acreditaria. A que ponto o fanatismo político e religioso priva as pessoas do bom senso e as coloca em uma bolha impermeável de idolatria desmedida. […] Chega a ser uma blasfêmia”, escreveu ele na publicação. 

No entanto, de acordo com o Em Off, tudo não passou de uma brincadeira feita por um ator que costuma fazer vídeos de comédia. “Vídeo sem base na realidade, piada, ironia, nenhum homem deve ser exaltado em igreja!”, falou o criador de conteúdo no post do vídeo originalmente publicado no TikTok.

DEPUTADA DO PL MORRE AOS 39 ANOS

A deputada federal Amália Barros, do PL, morreu neste domingo (12) aos 39 anos. Eleita pelo Mato Grosso, a política faleceu após passar quase duas semanas internada para tratar um nódulo no pâncreas.

Aliada de Bolsonaro, Amália ficou famosa pelo gesto de cobrir o olho esquerdo com a mão. Aos 20 anos, após contrair uma toxoplasmose, ela perdeu a visão do olho e teve de retirá-lo em 2016. Boa parte da carreira política de Amália foi em torno da questão monoculares, incluindo projetos de doação de próteses.

Muito amiga de Michelle Bolsonaro, ela fez campanha ao lado do casal e acabou eleita deputada federal. Além disso, era vice-presidente do PL Mulher, ala do partido focada nas candidatas e voto feminino.