famosos   / EFEITOS DA IDADE

Fátima Bernardes desabafa e diz que botox não está resolvendo: ''A pele que eu tinha não volta''

Aos 57 anos, apresentadora falou com sinceridade sobre os efeitos da idade

Redação Contigo! Publicado domingo 21 junho, 2020

Aos 57 anos, apresentadora falou com sinceridade sobre os efeitos da idade
Fátima Bernardes desabafa e diz que botox não está resolvendo - Reprodução

A apresentadora Fátima Bernardes fez uma rara menção aos efeitos da idade.

Em uma entrevista publicada pela Veja, a apresentadora contou que é adepta do botox, mas que a substância não está mais fazendo o efeito

"Olha, envelhecer não é fácil. Sou feliz, gosto de mim como estou, é bacana olhar para trás e ver tudo o que aconteceu. Mas fisicamente, no dia a dia, percebo as mudanças. A pele que eu tinha não volta, não tem jeito. Aplico botox desde os 42 anos. Não fiz plástica ainda porque tenho medo de não me reconhecer depois. Quando me olhar no espelho e ficar triste, vou fazer, sim", contou ela.

Na entrevista, a jornalista também fez elogios ao Jornal Nacional e disse que não sente vontade de retornar à bancada

"Não. Tenho um papel importante no Encontro quando falo de feminicídio, converso com pessoas que perderam familiares na pandemia e ajudo a entender que isso vai passar. A decisão de sair foi amadurecida. Sinto orgulho do que está sendo feito no Jornal Nacional", disse.

A comandante do Encontro também se posicionou a favor da liberdade. Questionada sobre a legalização das drogas, ela disse que é favorável.

"É um assunto com prós e contras, mas sou a favor da legalização. Além de frear o tráfico e diminuir a violência, facilitaria o uso medicinal da maconha, um tema que enfrenta preconceito. Eu sou bem careta. Nunca experimentei droga. Nunca tomei um copo de chope na vida. No máximo bebo um pouquinho de vinho socialmente. Mas acredito firmemente no direito de escolha das pessoas para sua própria vida", disse.

Sobre outo tabu, o aborto, ela segue o pensamento de que é preciso fazer escolhas.

"Sou, pelo mesmo motivo. Pessoalmente, com a estrutura que sempre tive em família, não faria. Mas ninguém tem o direito de decidir sobre as opções do outro", declarou ela.

Último acesso: 28 Nov 2020 - 14:59:11 (1114231).