Contigo!
Busca
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Youtube Contigo!Tiktok Contigo!Spotify Contigo!
Famosos / NA DELEGACIA!

Família de ex-sinhazinha protagoniza barraco na delegacia: “Saberão de tudo”

Família de Djidja Cardoso, ex-sinhazinha do Boi Garantido, protagoniza barraco ao chegar na delegacia; confira o momento após prisão

Luisa Scavone

por Luisa Scavone

lscavone_colab@caras.com.br

Publicado em 31/05/2024, às 13h09

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Família de Djidja Cardoso chega na delegacia - Reprodução/ Instagram e SBT
Família de Djidja Cardoso chega na delegacia - Reprodução/ Instagram e SBT

Mãe, irmão e funcionária do salão de Djidja Cardoso, ex-sinhazinha do Boi Garantido, foram presos nesta quinta-feira (30) e protagonizaram um barraco e tanto ao chegarem na delegacia. Sem dar detalhes sobre a polêmica, elas ainda garantiram que a história não acabou.

Cleusimar Cardoso, mãe da jovem que faleceu aos 32 anos, e uma funcionária foram flagradas chegando na delegacia. No registro, a imprensa presente no local tenta algum pronunciamento das duas, que aparecem bastante abaladas.

“O que você tem a dizer? Você deu droga para a sua filha?”, questionou um à mãe de Djidja. Após insistirem, Cleusimar disparou: “Na hora certa vocês saberão de tudo”, deixando o suspense no ar. A funcionária que estava com ela ainda pediu, irritada: “Deixa ela, por favor! Está de luto”. E, por fim, afirmou: “Vocês não sabem de nada”.

A gerente, o cabeleireiro e a maquiadora do estabelecimento também receberam mandados de prisão. De acordo com as informações, os crimes listados são: estupro, associação para o tráfico de drogas e venda de drogas. Ademar Cardoso Neto, irmão de Djidja, foi acusado de estupro, que pode o levar a seis a dez anos de prisão, e associação criminosa ao tráfico de drogas, podendo ganhar três anos de prisão.

PRONUNCIAMENTO DA DEFESA

Após a polêmica vir à tona, a advogada que defende Cleusimar Cardoso e Ademar Cardoso se pronunciou. O Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) determinou prisão preventiva e Lidiane Roque deu sua primeira declaração e afirmou que os familiares de Djidja estão “doentes”. Ela foi questionada se os dois são usuários de droga.

A resposta, dada à imprensa em frente à delegacia, foi direta e sincera. Segundo a advogada, a defesa busca dar um tratamento a Cleusimar e Ademar.“Eles são doentes […] A nossa intenção é que eles recebam tratamento”, respondeu Lidiane Roque.