Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!
Famosos / EITA!

Ex-vocalista do Twister relembra quando dividiu cadeia com Irmãos Cravinhos: "Convivência boa"

Em conversa com os fãs, cantor contou como era o dia a dia ao lado dos comparsas de Susane Von Richtofen

Redação Contigo! Publicado em 26/09/2021, às 18h00

Ex-vocalista do Twister relembra quando dividiu cadeia com Irmãos Cravinhos: "Convivência boa" - Reprodução/Instagram
Ex-vocalista do Twister relembra quando dividiu cadeia com Irmãos Cravinhos: "Convivência boa" - Reprodução/Instagram

O cantor Sander Meca, que fez parte do grupo pop Twister, contou neste domingo (26) detalhes da época em que ficou preso após ser detido com substâncias ilícitas em uma festa em 2003

 "O que me fazia ter medo na prisão era rebelião. Tinha suspeita e a cadeia ficava alvoroçada", contou ele que matou a curiosidade dos fãs sobre um assunto curioso.

É que em determinado tempo ele ficou preso com Daniel CristianCravinhos, condenados pela morte dos pais de Susane Von Richtofen.

"A convivência nossa lá dentro era de detento e preso. A gente ficava junto, lá somos apenas um número. Detentos iguais. A convivência era boa na medida do possível", afirmou ele.

Em um momento de desabafo, o cantor também explicou sua última internação em uma clínica para dependentes químicos.

"Minha motivação para me manter limpo hoje é pela minha decisão verdadeira de construir uma família e querer estar limpo. Tem que querer. Não é dizer, 'não posso mais usar drogas'. Poder eu posso. Tenho que querer não usar drogas. Não quero mais", disse. "Nos próximos 40 anos quero viver em família, pleno, escrevendo, compondo, tocando e me mantendo em recuperação, procurando ajudar outras pessoas. Quero um filho, quer ser pai", declarou

DESABAFO

Líder da banda Twister, um dos maiores sucessos dos anos 2000, o cantor Sander Meccadesabafou nas redes sociais ao revelar que voltou a ser internado em uma clínica de reabilitação.

Lutando há três anos contra o vício em drogas, ele surgiu durante a internação e disse que era a hora de pedir ajuda após um novo "ciclo de racaídas".