Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!
Famosos / REFLEXÃO

Em processo de luto, viúvo de Paulo Gustavo diz que pessoas não deixam de existir: ''Nos transformamos''

Reflexivo, Thales Bretas diz que vida não acaba quando não é mais possível se enxergar no mundo

Redação Contigo! Publicado em 18/06/2021, às 19h33

Em processo de luto, viúvo de Paulo Gustavo diz que pessoas não deixam de existir - Instagram
Em processo de luto, viúvo de Paulo Gustavo diz que pessoas não deixam de existir - Instagram

Thales Bretas, que durante essa semana decidiu retomar sua rotina de trabalho, usou as redes sociais nesta sexta-feira (18) para refletir sobre o ciclo da vida.

Após perder o marido, Paulo Gustavo, o médico disse acreditar que a vida não acaba quando não é mais possível se enxergar no mundo. Reflexivo, ele diz que tudo que vive se transforma, mas nunca deixa de existir.

“O contato com a natureza traz a sensação de que somos todos um só, muito maior que cada um de nós. Tudo está conectado. A água corre o tempo todo. Evapora. Chove. A folha cai. Nascem frutos. Pássaros comem e seus dejetos geram novas árvores.”, iniciou.  

“A vida é um ciclo, que não termina quando não podemos mais nos ver nele. Mudamos, nos transformamos, transfiguramos. Transmutamos. Mas nunca deixaremos de fazer parte do que sempre fomos e seremos!”, finalizou o dermatologista.

Fãs e amigos de Bretas foram só carinho. Irmã de Paulo, Ju Amaral fez questão de demonstrar seu apoio e deixou alguns símbolos de corações e preces nos comentários.

CRITICOU

A irmã do ator Paulo GustavoJuliana Amaral, manifestou-se nas redes sociais em defesa aos cuidados essenciais contra o vírus da Covid-19 que já matou mais de 488 mil pessoas no país, inclusive, o ator.

Na segunda-feira (14), em seu perfil, ela publicou uma selfie usando máscara em frente a um quadro do humorista e, com o punho serrado, não somente  incentivou o uso do acessório facial e apoiou a vacinação, mas fez questão de criticar as autoridades do Brasil.