Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!
Famosos / EITA!

Em depoimento, empregada revela desespero de Tom Veiga após ser agredido pela mulher: "Tentou me matar"

Em depoimento registrado em cartório, empregada relata que ela partiu para cima do ator com uma garrafa

Redação Contigo! Publicado em 06/04/2021, às 16h44

Em depoimento, empregada revela desespero de Tom Veiga após ser agredido pela mulher
Em depoimento, empregada revela desespero de Tom Veiga após ser agredido pela mulher - Reprodução/Instagram

A empregada doméstica Josenilde de Cássia Santos Silva, que trabalhava na casa do ator Tom Veiga, registrou um depoimento no 15° Serviço Notarial da Barra da Tijuca no dia 4 de dezembro de 2020 em que fez graves acusações contra Cybelle Hermínio, então esposa do ator.

As informações foram publicadas com exclusividade pelo jornalista Leo Dias, do Metrópoles.

Na reportagem, ele traz detalhes do depoimento. Em um dos trechos, a empregada, que diz que era muito próxima do ator, revela em setembro de 2020 Tom Veiga afirmou qur foi espancado pela então mulher. Ela seria uma mulher "muito ciumenta". Ela teria partido pra cima do humorista com uma garrafa de vinho quebrada. Ele teria fugido de casa por medo.

Ainda segundo o depoimento, Cybelle teria deixado a casa em que eles moravam uma semana depois da confusão. Tom Veiga teria trocado as fechaduras da casa. Ele demonstrava medo de ficar sozinho e instalou câmeras de segurança na residência.

"Ela [Cybelle] tentou me matar. Ela tentou me matar. Ela ficou um monstro e, eu, uma formiguinha. Se eu não saísse, ela ia acabar com a minha vida. Do jeito que ela estava descontrolada, a vontade dela era acabar com a minha vida”, teria dito o ator à empregada. O caso está sendo investigado.

MENTIRA?

Nesta terça-feira (06), após uma informação do colunista Leo Dias de que havia suspeitas quanto à causa da morte do intérprete do Louro José, a segunda esposa dele se posicionou.

Ao jornal Extra, Alessandra Veiga garantiu que não houve nenhum tipo de movimento por parte da família para que o corpo seja exumado. "Não sabemos que família é essa. Porque a nossa, com certeza, não é. Não sabemos de nada disso. Nem eu nem os filhos do Tom, muito menos os irmãos", disparou.