Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!
Famosos / EITA!

D’Black rebate acusações de ser abusivo com Nadja Pessoa: “A mesma história”

Após entrevista chocante de Nadja Pessoa, D’Black diz que ex-esposa tem contado a mesma coisa há dois anos, mas que deseja que ela encontre paz

Redação Contigo! Publicado em 12/01/2022, às 19h05

D’Black rebate acusações de ser abusivo com Nadja Pessoa - Instagram
D’Black rebate acusações de ser abusivo com Nadja Pessoa - Instagram

O cantor D’Black decidiu se pronunciar sobre as acusações de sua ex-mulher, Nadja Pessoa. É que, durante uma entrevista, a influenciadora contou ter vivido um relacionamento abusivo com o artista, revelando anda ter passado humilhações durante o relacionamento.

Após saber do ocorrido, o rapaz se manifestou e disse que torce para que a ex encontre um caminho de paz. Em uma conversa com a colunista Fábia Oliveira, do Em Off, ele explicou que, assim como tem feito nos últimos anos, prefere seguir sua vida normalmente.

“Ainda não assisti a matéria [em que Nadja faz as acusações], mas como tenho feito há quase dois anos de repetidas vezes que ela conta a mesma história, prefiro seguir meu caminho e, sinceramente, torço para que ela encontre um caminho de amor e paz na vida dela”, se limitou a dizer.

Recentemente, Nadja Pessoa comoveu os fãs ao fazer um relato doloroso do casamento que viveu com o cantor Vinícius D'Black. Em conversa com a também influenciadora Juju Salimeni em seu podcast, ela classificou o relacionamento como "abusivo" e o ex como "psicopata".

Na conversa, ela contou que quando foi revelada ao grande público durante o reality Power Couple, ela já estava muito fragilizada. “Antes de entrar no Power eu já estava em depressão. Eu tinha ido em três psicólogas e todas as três disseram que eu estava com depressão, inclusive a psicóloga do programa. Isso antes do primeiro reality, por conta do relacionamento abusivo que eu sofri. Ele tentava me fazer como culpada de tudo”, conta.

PSICOPATA?

Segundo a influenciadora, sua psiquiatra a alertou sobre o comportamento do rapaz. “Junto com a terapia de casal, eu tinha minha psiquiatra que cuidava de mim. E um mês antes da gente se separar, ela falou para mim que eu estava pronta para saber o que ela tinha para me falar sobre o meu relacionamento. E ela me disse que ele tinha uma psicopatia”.

Ela então relatou um episódio desconhecido: quando venceu o Dancing Brasil ele chegou em casa e a humilhou. “Na noite que ele ganhou, a gente chegou no apartamento e ele me disse assim: ‘agora eu estou milionário, não preciso mais de você’. Nunca mais esqueço disso. É pior que bater. Ele quis terminar, eu tentava segurar o relacionamento, aquela coisa de família. A gente veio morar em São Paulo, a mulher (bailarina) era do Rio. Ela saiu do Rio e veio morar em São Paulo também”, conta.