Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!
Famosos / DESABAFO

Craque Neto se revolta e detona Sikêra Jr ao vivo: "O dia que você me encontrar, você vai ver"

Fora de si, apresentador da Band mandou um recado firme contra o discurso do colega; veja

Redação Contigo! Publicado em 30/06/2021, às 16h23

Craque Neto se revolta e detona Sikêra Jr ao vivo: "O dia que você me encontrar, você vai ver só" - Reprodução/Instagram
Craque Neto se revolta e detona Sikêra Jr ao vivo: "O dia que você me encontrar, você vai ver só" - Reprodução/Instagram

O craque Neto mandou um recado firme ao apresentador Sikêra Jr nesta quarta-feira (30).

Durante o Os Donos da Bola, ele detonou a postura e os comentários do apresentador que foi acusado de fazer comentários homofóbicos. A postura gerou revolta nas redes sociais e rendeu denúncias ao Ministério Público. 

“A gente não pode ter esse jornalista, pseudônimo de jornalista, que é o Sikêra Jr, falar o que ele falou sobre os homossexuais... Parabéns, Burger King. Por sinal, vocês arrebentaram. Parabéns pra vocês. Aí depois, no outro dia, o cara pede desculpas. Sabe por que ele pediu desculpa? Porque os patrocinadores saíram fora de lá. Ou você pensa assim ou você não pensa, irmão! Ou você é homem ou não é homem. Que não adianta você falar pra ganhar dinheiro do governo. É seu pensamento esse? Se for seu pensamento, espero que você não me encontre”, disse Neto.

Ao fim, o ex-jogador do Corinthians mandou uma mensagem corajosa.

“O dia que você me encontrar, em qualquer lugar, você vai ver só. Ou até o dono da RedeTV! aí. Qualquer um de vocês que pensam assim. Falassem isso mano a mano [pra ver]. Aí, depois, quando a corda vem no seu pescoço, pede desculpa. Desculpa nada. O seu pensamento é esse. Você é homofóbico e muito”, acrescentou ele.

PERDEU PATROCÍNIOS

Sikêra Jr. encarou as consequências de uma fala considerada homofóbica nesta segunda-feira (28).

Após utilizar o Alerta Nacional na RedeTV! para afirmar que gays são uma "raça desgraçada" e insinuar uma ameaça contra pessoas da comunidade LGBTQIA+, o programa perdeu três de seus anunciantes. As informações são do Notícias da TV.