Contigo!
Busca
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Youtube Contigo!Tiktok Contigo!Spotify Contigo!
Famosos / SAIBA OS DETALHES!

Como o pai da Gabriela Prioli morreu? Apresentadora viveu história trágica

Saiba como Francisco Della Vedova, o pai da Gabriela Prioli, morreu quando a apresentadora tinha apenas 6 anos; veja o relato

Luisa Scavone

por Luisa Scavone

lscavone_colab@caras.com.br

Publicado em 24/05/2024, às 10h49

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Como o pai de Gabriela Prioli morreu? - Reprodução/ GNT
Como o pai de Gabriela Prioli morreu? - Reprodução/ GNT

Em recente entrevista ao programa Conversa com Bial, Gabriela Prioli relembrou a trágica morte de seu pai. Emocionada, ela revelou como a lembrança ainda é muito dolorosa. Mas como ele morreu? Conheça Francisco Della Vedova, pai da advogada.

Como ela mesma já relatou, a família estava voltando de carro de uma chácara em Itapecerica da Serra, onde passaram o final de semana. Em determinado momento, seu pai ouviu um barulho no carro e parou em um posto policial. Infelizmente, nesse momento, um carro que estava na rodovia perdeu a direção, atropelou Francisco e bateu no carro.

No programa, ela ainda contou: "Prensou ele contra o nosso carro e ele morreu na hora". As pessoas que estavam no outro carro também morreram. "Minha mãe teve que tirar a gente do nosso carro. Então ela sai pela janela, tem que chutar uma outra porta, ela pega eu em um braço, meu irmão no outro, ele estava todo ensanguentado, porque machucou o nariz e eu bati a cabeça".

Francisco Della Vedova, o pai da apresentadora, era contador e foi casado com a fonoaudióloga Marta Prioli. Além de Gabriela, eles também tiveram Rafael, o filho caçula. Na época que o pai morreu, Gabriela tinha apenas 6 anos e seu irmão 4.

PRESENTÃO!

Quando Gabriela Prioli foi eliminada do famoso quadro Dança dos Famosos, deixando a competição ao lado de seu parceiro de dança, o professor Jefferson Bilisco, ela surpreendeu a todos após presentear Bilisco com um carro. Mas qual foi o motivo por trás desse gesto tão generoso?

O momento comovente deixou o professor em lágrimas, especialmente quando Prioli entregou uma carta junto com o carro. "Nada me deixou tão triste na nossa eliminação quanto pensar que eu era a razão pela qual você estava aqui. Desde o início, nossa conexão foi especial, nossos 'pequenos'. Você, um pai recente, estava longe de sua criação para nos ensinar a dançar. Eu sei o que é deixar um bebê pequeno em casa, e estar aqui era um horizonte maior para a Pétala, e isso é muito bonito de se ver. Não foi à toa que você se emocionou no palco quando mencionaram as próximas gerações, você estava dançando para ela", disse Prioli na carta.