Contigo!
Busca
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Youtube Contigo!Tiktok Contigo!Spotify Contigo!
Famosos / LUTO!

Causa da morte do ícone do Carnaval Quinho do Salgueiro é revelada

Considerado uma das maiores vozes do Carnaval do Rio de Janeiro, Quinho do Salgueiro morre aos 66 anos após lutar contra grave doença; confira!

Renata Garre

por Renata Garre

rnogueira_colab@caras.com.br

Publicado em 04/01/2024, às 09h55

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Causa da morte do ícone do Carnaval Quinho do Salgueiro é revelada - Reprodução/Globo
Causa da morte do ícone do Carnaval Quinho do Salgueiro é revelada - Reprodução/Globo

Considerado uma das maiores vozes do Carnaval do Rio de Janeiro, Melquisedeque Marins Marques, mais conhecido como Quinho do Salgueiro, morreu na última quarta-feira (3) aos 66 anos após sofrer uma insuficiência respiratória. O intérprete estava internado no Hospital Evandro Freire, na Ilha do Governador. 

Longe do Carnaval e em tratamento contra um câncer de próstata, descoberto em 2022, ele foi homenageado por sua escola do coração no último desfile pelo carro de som, que foi chamado de "Quinho do Salgueiro". 

Nas redes sociais, o Salgueiro lamentou a morte do artista. "Quinho não era apenas um cantor, mas um poeta que traduzia em notas a essência da nossa escola", escreveram. Vale lembrar que ele começou a carreira artística no bloco Boi da Freguesia, onde compôs o carro de som de Aroldo Melodia na União da Ilha do Governador em 1988, onde permaneceu até 1990. 

Em 1991, ele foi para o Salgueiro, e em 1993, ganhou destaque com "Peguei um ita no Norte". Posteriormente, Quinho voltou para a União da Ilha e passou por outras escolas do Rio. No entanto, em 2009 contribuiu para o nono e último título do Salgueiro ao interpretar "Tambor". Ele ainda ficou afastado da escola por problemas com a diretoria, mas retornou em 2019, quando passou a dividir o carro de som com Emerson Dias

MORRE O SERTANEJO JOÃO CARREIRO 

O dia amanheceu mais triste para os fãs da música sertaneja após circular a notícia de que o cantor João Carreiro, da dupla com Capataz, morreu aos 41 anos na última quarta-feira (3). O famoso não resistiu a complicações durante um procedimento para colocar uma válvula no coração.

Ainda ontem, a esposa de João Carreiro havia contado que o marido estava na sala de cirurgia em um hospital em Campo Grande. “O coração dele já está funcionando sozinho, com a nova válvula. Começaram o procedimento para fechar a cirurgia”, iniciou Francine Caroline, por volta das 17h.

Três horas depois, a situação se agravou e ela veio a público pedir orações pelo amado. Na madrugada, ela apareceu novamente para falar com os seguidores e lamentou a perda. “Minha vida me deixou”, escreveu.