Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!
Famosos / DESABAFO

Ariadna Arantes surge desesperada após bloquear mais de 2 mil mensagens: "Passei o dia trancada"

Após o 'No Limite', ela publicou uma denúncia nas redes sociais e surgiu aos prantos; entenda a situação

Redação Contigo! Publicado em 28/07/2021, às 07h34

Ariadna Arantes surge desesperada após bloquear mais de 2 mil mensagens: "Passei o dia trancada" - Reprodução/Instagram
Ariadna Arantes surge desesperada após bloquear mais de 2 mil mensagens: "Passei o dia trancada" - Reprodução/Instagram

Ex-participante de No LimiteAriadna Arantes fez um desabafo tocante nas redes sociais nesta quarta-feira (28) após ser vítima de ataques orquestrados. 

"Estou recebendo mensagens de mulheres e homens me ofendendo e dizendo que não sou mulher de jeito nenhum. Estou tentando ser forte, mas não estou conseguindo. Cada mensagem que leio eu não consigo me controlar. Passei o dia trancada", declarou ela muito abalada.

Tudo começou quando um perfil de "humor" compartilhou uma piada envolvendo a modelo.

Agora, ela está sendo duramente atacada pelos seguidores dessa página. Muito abalada, ela revelou que está com medo.

"É exatamente esse tipo de situação que o cara poderia ter evitado me expondo dessa maneira. Um monte de gente aqui no Brasil pensa como ele. Já bloqueei mais de duas mil mensagens para minha mãe não lidar com isso. Estou exausta", afirmou.

PESADO

Ariadna Arantes foi bem sincerona ao falar da experiência do No Limite nesta quarta-feira (21). Um dia após a final do reality, a ex-participante usou as redes sociais para agradecer aos concorrentes, ignorando o desafeto Iris Stefanelli, que chegou a ser citada indiretamente.

"Quero expressar minha enorme gratidão de ter feito história com vocês. Nada foi perfeito. O perrengue foi real e a competição também. Levo sim uma inimizade assim como outros também estão levando. Mas somando tudo. Foi sim uma experiência única em nossas vidas. Cada um chegando ao seu limite", refletiu Ariadna na legenda.