Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!
Famosos / SINCERA

Após fãs entrar na casa de Anitta sem autorização, cantora desabafa: ''Sou um ser humano normal''

Sem esconder chateação, cantora diz que só tratou fã bem por ser uma senhora de idade

Redação Contigo! Publicado em 18/12/2020, às 15h30 - Atualizado às 15h32

Após fãs entrar na casa de Anitta sem autorização, cantora desabafa - Divulgação
Após fãs entrar na casa de Anitta sem autorização, cantora desabafa - Divulgação

Anitta está sendo um dos assuntos mais comentados após o lançamento de sua série, Anitta: Made In Honório, na última quarta-feira (18), na Netflix. Após muitas polêmicas pelo comportamento da musa atrás das câmeras, ela explicou como se sentiu ao ver que uma fã havia “invadido” sua casa.

Dona Izilda acabou entrando na residência por uma confusão da mãe da artista, que acreditou que a senhora teria ido levar alguma roupa para o show de Anitta. A cantora tratou a senhora bem, mas ficou revoltada com a situação.

“Não é dela especificamente, gente, pelo amor de Deus. Ela é uma fofinha, inclusive, mas qualquer ser humano que entre na minha casa sem ser convidado, eu não vou gostar, inclusive eu só tratei bem por ela ser uma senhora de idade", explicou ela.

Em seguida, Anitta tentou colocar os fãs em uma situação hipotética, onde eles encontrariam em sua casa alguém que não foi convidado: "Vamos supor que você compre pão em uma padaria toda semana, aí você conhece o padeira, fala 'bom dia', 'boa tarde', isso não significa que você gostaria de acordar um belo dia, ir pra sala de pijama, e dá de cara com o padeiro ali, do nada", disse a contara.

"Alguém aqui gostaria disso? Alguém pode me dizer que gostaria de encontrar em sua casa o padeiro do nada na sua casa, só porque sabe quem é e dá bom dia, boa tarde? Eu sou um ser humano normal, que reage de maneira normal às coisas.  É isso que a gente tanta mostrar na série",finalizou a celebridade.

ABRIU O CORAÇÃO

No seriado, ela também revelou que foi vítima de estupro quando tinha apenas 14 anos. Muito emocionada, a cantora disse que só recentemente conseguiu compreender o que aconteceu naquele momento.

"Eu nunca expus isso em público. Eu sempre me coloquei numas relações meio abusivas e, quando eu tinha 14 pra 15 anos, eu conheci uma pessoa. Eu tinha medo dele. Ele era autoritário comigo, falava de forma autoritária. Eu não sei, eu era diferente quando eu era adolescente, eu não era do jeito que eu sou hoje em dia. Ele estava muito nervoso, muito estressado, e eu estava com bastante medo das reações dele quando ele estava estressado, e eu acabei perguntando se ele queria ir pra um lugar só nós dois. Rapidamente, na mesma hora, ele parou o estresse dele e perguntou se eu tinha certeza. Eu falei que sim. Mas hoje eu tenho plena certeza que eu falei sim porque eu estava morrendo de medo do estresse dele".