Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!
Famosos / BOAS NOTÍCIAS

Aos 32 anos, Marco Pigossi é vacinado contra Covid-19 e detona Jair Bolsonaro: "Líder ignorou a doença"

O ator fez questão de mostrar sua indignação contra o atual governo brasileiro e não poupou críticas

Redação Contigo! Publicado em 06/05/2021, às 08h48

Aos 32 anos, Marco Pigossi é vacinado contra Covid-19 e detona Jair Bolsonaro: "Líder ignorou a doença" - Reprodução/Instagram
Aos 32 anos, Marco Pigossi é vacinado contra Covid-19 e detona Jair Bolsonaro: "Líder ignorou a doença" - Reprodução/Instagram

Nesta quarta-feira (05), o ator Marco Pigossi contou nas redes sociais que já recebeu a vacina contra a Covid-19, há pouco mais de um mês, durante sua estadia na Califórnia, nos Estados Unidos. 

Aos 32 anos, o artista afirmou que tinha muito receio de informar a notícia, porém, viu uma oportunidade de expressar sua indignação com o governo Brasileiro, em especial com o presidente Jair Bolsonaro. Em um longo texto, Marco diz estar revoltado. 

"Eu tomei a vacina há exatos 32 dias. E não ia postar essa foto, achei que não seria de bom tom. Mas diante de tantas perdas no nosso país, decidi postar. Porque o intuito é mesmo gerar indignação. Indignação com um líder que ignorou uma doença e é diretamente responsável pela morte de mais de 400 mil brasileiros.". 

O global ainda fez questão de exaltar o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden.

"Aqui o líder que ignorava a doença foi trocado. O novo presidente, com um plano honesto e organizado, já vacinou metade da população. Ontem foi o segundo dia consecutivo sem mortes na Califórnia. Ontem foi o dia em que perdemos um ícone que o Brasil tanto amava. Ontem poderia ter sido evitado. Poderia ter sido evitado mais de 400 mil vezes.", encerrou. 

Outros nomes brasileiros também se vacinaram nos Estados Unidos como Anitta, Rebeca Abravanel, Carolina Dieckmann, Zilu Camargo e outros.