famosos   / DESABAFO

Aline Wirley desabafa após invasão da casa em que mora com a família: ''Realidade dura e cruel''

Em desabafo comovente, ela escreve carta ao filho após viver momentos dramáticos em sua mansão

Redação Contigo! Publicado segunda 29 junho, 2020

Em desabafo comovente, ela escreve carta ao filho após viver momentos dramáticos em sua mansão
Aline Wirley desabafa após invasão da casa em que mora - Reprodução

A cantora Aline Wirley, que participou do grupo Rouge, surpreendeu os seguidores ao fazer um desabafo na noite deste domingo, 28. Direta e firme, ela comoveu os seguidores.

Mãe do pequeno Antonio e casada com o ator Igor Rickli, ela escreveu uma carta endereçada ao filho em que conta como lidou com um drama que viveu na última semana: a mansão que ela mora com a família foi invadida por assaltantes e ela viveu momentos de tensão

Uma realidade que ela classificou como "dura e cruel".

"Num instante estamos aqui e no próximo podemos não estar mais. E o que a gente pode fazer diante disso?! Nossa família viveu uma experiência que, mais uma vez, nos despertou para uma realidade muito dura e cruel da nossa sociedade. Porém, entre tantas experiências que já tivemos, essa foi diferente... foi profunda e desafiadora demais", afirmou ela.

Todos passam bem e o caso está sendo investigado.

LEIA O POST NA ÍNTEGRA:

Filho, ao mesmo tempo em que contemplamos o pôr do sol e agradecemos pela vida, não podemos deixar de falar o quanto SOMOS vulneráveis. Num instante estamos aqui e no próximo podemos não estar mais. E o que a gente pode fazer diante disso?! Nossa família viveu uma experiência que, mais uma vez, nos despertou pra uma realidade muito dura e cruel da nossa sociedade. Porém, entre tantas experiências que já tivemos, essa foi diferente... foi profunda e desafiadora demais. Ter a nossa casa invadida, uma casa que sempre foi nosso templo, nos fez literalmente rever nossos valores. Nós, que escolhemos um jeito de viver integrado à natureza; que acreditamos na nossa transformação interna e na transformação do mundo; e que direcionamos nossa vida através da espiritualidade, vimos nossos valores postos à prova e percebemos o quanto AINDA temos que aprender. Nós vimos apegados a bens materiais, status, ego... enquanto a desigualdade social anula a existência da grande maioria da população, deixando-a a mercê da sua própria sorte e nos transformando em vítimas das vítimas. Tudo isso não diz respeito à nossa família apenas, mas sim a todos nós. Enquanto continuarmos a viver uma vida centrada em nossos mundos individuais, nada irá mudar. E o que realmente podemos fazer? Agora, não temos respostas. Mas estamos aqui, nesse momento, tentando nos recuperar, olhando com distanciamento para cada passo que já demos, e nos estruturando para seguir ressignificando o que achamos que é real, na esperança de um novo mundo, e tendo o claro entendimento de que a transformação começa aqui e agora, e que cada um de nós tem a responsabilidade em suas mãos. Temos muito trabalho a fazer. Filho, através de você e de todas as crianças do planeta, conseguimos enxergar a esperança. E aqui de mãos dadas, por mais sombrios que os tempos estejam, conseguimos vislumbrar tempos melhores. Você é e sempre será nosso o maior tesouro. Nós te amamos. E a energia na qual acreditamos é o amor.

Último acesso: 20 Oct 2020 - 23:24:17 (1115019).