Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!
Famosos / DESABAFO

Abalado, Lucas Lucco lamenta condenação em processo movido por outro cantor: "Peço desculpas"

O cantor sertanejo perdeu o processado pela canção "Mozão", seu principal hit da carreira

Redação Contigo! Publicado em 14/06/2021, às 11h01

Abalado, Lucas Lucco lamenta condenação em processo por plágio: "Veio esse verdito"
Abalado, Lucas Lucco lamenta condenação em processo por plágio: "Veio esse verdito" - Reprodução/Instagram

O cantor sertanejo Lucas Lucco foi condenado por plágio pela justiça após ser acusado pelo músico Gabriel Bandeiras de ter copiados o refrão da canção "Mozão", seu maior hit da carreira. 

Em seu perfil nas redes sociais, o marido de Lorena Carvalho surgiu visivelmente abalado, no entanto, afirmou que não irá recorrer na justiça e deu detalhes da composição de "Mozão".

"A música Mozão é minha. Escrevi ela sozinho, em Goiânia, numa época que eu nem tinha um nome ainda, bem no início da carreira que eu escrevi essa música", começou ele. 

"Peço desculpas ao Gabriel, eu realmente não tinha ouvido as suas músicas. Faz anos que esse processo estava correndo e veio a ter esse veredito agora sobre o valor que eu preciso te passar. Obviamente, de acordo com as negociações da parte jurídica, isso tudo vai ser acertado, eu desejo muito sucesso pra você". 

"Desejo que Deus abençoe você e sua família e que essa grana possa vir como uma benção pra você, mas essa é a justiça do homem, né? Esse pagamento vai acontecer de acordo com a resolução que o homem teve, mas no fundo do seu coração, você acha que eu tinha ouvido sua música?", alfinetou Lucas

"Eu peço desculpa por ter causado algum tipo de desconforto, mas hoje deito no travesseiro com a consciência totalmente limpa por saber que não fiz nada de errado. Não tem volta, esse valor vai ter que ser pago, e tudo bem, é só uma forma de conversar com as pessoas que gostam do meu trabalho. É uma justificativa para quem gosta de mim", finalizou. 

COMPARE AS MÚSICAS:

MAIS PROCESSOS

O apresentador José Luiz Datena perdeu a ação movida por Xuxa Meneghel após proferir ofensas contra a loira. Segundo informações do UOL, o Tribunal de Justiça de São Paulo condenou o apresentador a pagar uma indenização de R$ 50 mil.

O processo foi movido após a apresentadora criticar o filho de Datena, o também apresentador Joel Datena. Ao mostrar no ar um menino que dirigiu o carro dos pais sem autorização, ele defendeu uma punição física da criança. Xuxa se indignou.

Datena não gostou e ofendeu Xuxa publicamente em um vídeo. No julgamento, os advogados chegaram a alegar que a expressão "garota de programa" se referia ao fato da loira comandar programas na TV. A justificativa não colou.