Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!

“Não quero pular nenhuma fase”

Pupila de Silvio Santos e apresentadora do SBT desde os 5 anos de idade, Maísa Silva conta como reinventou sua imagem, mas continua um sucesso entre as crianças

por DANIEL LOPES Publicado em 13/01/2016, às 13h00 - Atualizado em 07/08/2019, às 17h44

Maísa Silva em restaurante - Rogerio Pallatta
Maísa Silva em restaurante - Rogerio Pallatta

Assim que ela chega ao restaurante no horário marcado, já conseguimos notar que a pequena garota não é mais a mesma. Os cachinhos definidos à la Shirley Temple deram lugar ao cabelo comprido e liso e o único brinquedo que ela pensa agora é seu celular, que não sai de suas mãos nem por um segundo, seja para atualizar o Twitter ou tirar uma selfie para o Snapchat. Até o gosto por sapato amadureceu: a menina usa um modelo igual ao da mãe, Gislaine Andrade, 37 anos. Sem dúvida, Maísa Silva, 13 anos, cresceu, mas não deixou seu público infantil para trás. “Eu ainda prezo pela minha imagem infantil que construí na televisão”, conta. Depois de apresentar programas no SBT por quatro anos, estrelar a novela Carrossel e lançar um novo disco em 2014, Maísa conversou com a CONTIGO! sobre sua nova vida como pré-adolescente.
Seu vídeo para a música Nhenhenhem foi o mais visto do Brasil no Youtube em 2015 na categoria Não Musical e Conteúdo Infantil, acumulando quase 19 milhões de visualizações. “Eu nem tinha pretensão de fazer um clipe, só quis lançar um vídeo com a letra da música. Quando eu voltei das férias de julho, o vídeo já tinha viralizado no país inteiro e eu morri de vergonha quando voltei para as aulas”, revela.  A música é parte do disco lançado no ano passado, com o título sugestivo de Eu Cresci, trabalho de onde também retirou o novo single, Cabelo, que fala sobre aceitação e preconceito. O clipe gerou polêmica inesperada. No Facebook, uma chuva de comentários chamando a cantora de “infantil” e “boba” ganhou espaço, até sugerindo que Maísa tentasse ser mais sexy. “Escrevi um desabafo nas minhas redes sociais e foi incrível como todo mundo me apoiou. Eu não quero pular nenhuma fase para tentar ser mais adulta”, desabafou. “Eu vou para festas, gosto de dançar, de me divertir com as minhas amigas, mas não preciso me envolver com drogas ou sair beijando várias pessoas”, explica. “Meninas de 11 anos falam que a minha música é muito infantil. Eu digo: ‘Muito obrigada’. Essa sempre foi a intenção”, rebate.

MEME AMBULANTE

Se na carreira Maísa ainda foca nos baixinhos, sua vida pessoal é típica de uma adolescente. “Acordo tarde no fim de semana e já chamo minhas amigas para vir na minha casa, tiramos muitas fotos. Vamos ao shopping, ao cinema, dou festas do pijama”, conta. Tudo isso é sempre registrado nos vídeos que a menina posta no seu canal do Youtube, que já conta com 846 mil inscritos. No Twitter, a garota é seguida por 369 mil pessoas e adora fazer piada de si mesma. “Me chamam de meme humano”, brinca. “Eu tenho muita liberdade para postar nas redes sociais, mas tenho de tomar cuidado com o que eu publico porque não quero ficar mal falada tão cedo”, revela. Desde pequena, Maísa nunca teve medo de falar o que vinha à cabeça. “Eu era meio sem noção. Hoje eu penso: ‘Como eu falava isso?’”. Até mesmo a relação com Silvio Santos, 85, só veio fazer sentido com o tempo. “Eu só vim a entender agora a importância de estar perto de um mito como ele. Antes, ele só era o homem que ficava dentro da minha TV e que brincava comigo”, relembra.
Em 2016, Maísa pretende continuar com a turnê de seu primeiro musical no teatro, o Maísa no Ar, além de já estar confirmada no elenco de Carinha de Anjo, nova novela infantil do SBT, ao lado de Jean Paulo Campos, 12, que já foi seu colega de cena em Carrossel. Quanto ao futuro, diversos planos na cabeça: “Quero conseguir entrevistar o Justin Bieber, estudar fora do país e rodar o mundo apresentando um programa”. O medo de não ser mais famosa, porém, não está no calendário. “Eu sei que tudo o que eu fizer daqui pra frente vai ser público: meu primeiro namorado, minha primeira balada, minha festa de 15 anos... Mas meus pais me prepararam para lidar bem com tudo isso”, diz, se referindo a Gislaine e Celso, 39, que também são seus empresários.

“Nós preferimos cuidar da carreira porque sabemos melhor da rotina dela e colocamos a preocupação com seu bem­-estar acima de tudo”, explica Gislaine. O resto, Maísa tira de letra. “Eu sempre me impressiono quando a vejo dando entrevistas. É muito segura e articulada, não faço ideia a quem puxou”, brinca a mãe coruja, enquanto termina de acompanhar a filha prodígio na sessão de fotos.