exclusivas   / Parabéns!

Murilo Rosa: Completando 50 anos, relembre os papeis marcantes da carreira do ator

Com uma carreira consolidada e admirável, o ator global completa mais um ano de vida

Redação Contigo! Publicado sexta 21 agosto, 2020

Com uma carreira consolidada e admirável, o ator global completa mais um ano de vida
Com uma carreira consolidada e admirável, o ator global completa mais um ano de vida - Reprodução/TV Globo

Nesta sexta-feira (21) o ator Murilo Rosa está completando 50 anos.

O artista brasiliense chegou a cursar faculdade de Educação Física, mas ao participar de um teste para gravar um filme se apaixonou pela atuação.

Logo, trancou o curso e se mudou para o Rio de Janeiro decidido a estudar teatro. Teve sua primeira oportunidade na televisão na novela 74.5 - Uma Onda no Ar, de 1994, na extinta Rede Manchete.

Desde então, o ator conquistou o público brasileiro com seus diversos personagens marcantes. Para comemorar a data, separamos alguns papeis marcantes de sua carreira. 

74.5 - UMA ONDA NO AR: Em 1994, o ator viveu o personagem Caio Daniel ( CD ), era um cantor de uma banda de rock. Na trama Murilo gravou a música 'Agora só falta você' de Rita Lee

AMÉRICA: Em 2005, ele deu vida ao personagem Dinho, fazendo par romântico com Neuta (Eliane Giardini)

DESEJO PROIBIDO: Na novela de Walther Negrão, de 2007, Murilo interpretou o Padre Miguel, que vivia uma dúvida entre a religião e o amor por Laura (Fernanda Vasconcellos)

BANG BANG: O artista fez uma participação na trama de Humberto Carrão, em 2007, com o vilão Josh Lucas

CAMINHOS DAS ÍNDIAS: Em 2009, Murilo deu vida ao médico Lucas. O personagem era par romântico de Duda (Tânia Khallil)

ARAGUAIA: Na trama de Walther Negrão, Murilo fez parte do elenco como o encantador de cavalos Solano Rangel, ao lado de Cleo Pires e Milena Toscano

SALVE JORGE: Em 2012, o ator interpretou o Capitão Élcio. Um homem mandão e traiçoeiro, que se envolve com Lívia (Claudia Raia)

O CRAVO E A ROSA: O artista viveu o desenhista Celso de Lucca. O bonitão, faz sucesso com as mulheres. Conquista a autoritária Dinorá (Maria Padilha), mas apaixona-se por Candoca (Miriam Freeland)

A PADROEIRA: Em 2001, brilhou com o personagem Diogo. Apaixonado por Izabel (Mariana Ximenes), faz tudo para impedir que ela vá para o convento, como quer a mãe dela

SALVE-SE QUEM PUDER: Atualmente o artista está no elenco da trama de Daniel Ortiz. Ele interpreta Mário, um homem que criou sozinho a filha, Luna (Juliana Paiva), depois de ser abandonado por Helena (Flávia Alessandra)

Último acesso: 28 Nov 2020 - 18:17:23 (1121186).