Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!
Exclusivas / SUCESSO NA MÚSICA E NAS REDES

Michele Andrade diz que as redes sociais deram um impulso em sua carreira: “Me considero artista digital”

A artista lançará seu primeiro DVD em 14 anos de trajetória na música

Mariana Melro Publicado em 19/09/2021, às 10h03

Michele Andrade admite que as redes sociais deram um ponta pé em sua carreira musical: “Me considero artista digital” - Reprodução/Verner
Michele Andrade admite que as redes sociais deram um ponta pé em sua carreira musical: “Me considero artista digital” - Reprodução/Verner

A multifacetada Michele Andrade, que além de cantora, é compositora, musicista e influenciadora digital, falou sobre o auge que vive em sua carreira e o peso que as redes sociais tiveram para atingir o sucesso.

A pernambucana começou a cantar ainda muito jovem, no início da adolescência, quando tinha lá os seus 13 anos. Pela pouca idade, teve que enfrentar batalhas que, no entanto, nunca a fizeram desistir.

“Eu passei por muita coisa que eu acredito que qualquer pessoa teria desistido [...]. Em momento nenhum eu pensei em desistir, eu sempre segui firme e forte apesar das adversidades. Muita coisa aconteceu até aqui”, disse em entrevista para a CONTIGO!.

Em sua trajetória, a artista realizou o sonho de ser vocalista aos 19 anos da banda de forró Limão com Mel. “Eu desejei e quis tanto aquilo, eu trabalhei e me esforcei tanto que realmente aconteceu e a Limão com Mel foi uma grande escola para mim”, confessou ela que decidiu sair da banda para seguir carreira solo.

Além desse triunfo, a estrela também marcou presença no programa The Voice Brasil. “Foi muito importante a minha participação, apesar do não. Na época nenhuma cadeira foi virada para mim e eu fiz com que esse não se tornasse um grande sim na minha vida. Acordei no dia seguinte e fui para luta, caminhando com muita humildade, com os pés no chão e o importante é não desistir”, ressaltou.

REDES SOCIAIS

Apesar do talento, a cantora de 27 anos ressalta que sua performance nas redes sociais – sem dúvidas – deu um empurrãozinho em seu sucesso na música. Ela, que tem a companhia dos mais de um milhão e meio de seguidores, diz que se consagra uma “artista digital”.

“Eu acredito que a rede social deu um pontapé na minha carreira, na minha vida. Quando começou o auge da rede social eu já fazia vídeos. [...]Eu até me considero, pelo menos até aqui, uma artista digital, eu aconteci na rede social. O povo me conheceu através da rede social. Eu não tinha nada, eu não tinha empresário, não tinha nenhum tipo de ajuda, só do povo mesmo que compartilhava e salvava meus vídeos e isso tudo aconteceu na rede sociais”, contou.

Inclusive, sua presença forte e consistente nas redes foi crucial durante a pandemia do novo coronavírus que atingiu de forma brusca a classe dos artistas. Graças a isso, Michele Andrade se manteve em alta.

“Assim que começou a pandemia os shows foram os primeiros a pararem, mas aí, Graças a Deus, eu já estava com um trabalho rodando na internet e foi isso que me ajudou. [...] A gente nunca imaginou que a pandemia ia durar mais de um ano, aí eu tive que focar na rede social, em me aproximar do público”, afirmou.

A instrumentalista mantem seu Instagram diariamente ativo. Por lá, mostra sua rotina, compromissos, bastidores de sua carreira profissional e, claro, sua vida pessoal.

PRIMEIRO ÁLBUM

Recentemente, ela gravou o seu primeiro DVD, intitulado de Nosso Álbum. Na entrevista, ela contou sua experiência e descreveu o significado desse triunfo em sua vida como sua “maior realização até hoje”.

“Foi a realização de um grande sonho, um projeto tão grande como esse, são dez faixas inéditas, é o meu primeiro álbum. Eu nunca lancei um trabalho assim, então esse é meu primeiro filho. A gente fez com tanto cuidado, eu e toda a minha equipe. A expectativa é que o público curta para caramba, assim como a gente. Estou muito feliz e eu tenho certeza que o público ai adorar”, garantiu.