Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!

Klara Castanho "Quando contei para meus pais sobre meu primeiro beijo, a princesinha morreu"

A atriz chega aos dez anos de carreira com a certeza de que está no caminho certo. No auge da adolescência, aos 15 anos, a atriz revela que crescer frente às câmeras a ajudou a amadurecer

Mariana Silva Publicado em 22/08/2016, às 15h36 - Atualizado em 07/08/2019, às 17h44

Klara Castanho - Rogério Pallatta
Klara Castanho - Rogério Pallatta
Vista de longe, Klara Castanho, 15 anos, ainda engana. Ou seja, o vestidinho florido e o cabelo cortado pouco acima dos ombros continuam a vender a delicadeza típica de uma garota. Porém, sua maneira articulada de se comunicar, além do salto alto, denuncia a maturidade precoce. Enfim, o jeitinho meigo e divetido continuam lá, principalmente quando comemora, logo após os primeiros cliques, a troca dos 10 cm a mais por uma sapatilha dourada. Mas não há dúvida: a menininha cresceu!
Longe da TV desde a novela Além do Tempo (2015), quando viveu Alice, a atriz dedicou o tempo aos estudos e aulas de canto. Atualmente, ela pode ser vista no espetáculo O Aprendiz de Feiticeiro, em cartaz até novembro no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), em São Paulo. Em outubro, estreia no cinema como protagonista, ao lado da youtuber Kéfera Buchmann, 23, do filme É Fada, com direção de Daniel Filho, 78, e Cris D’Amato, 53, uma adaptação do livro Uma Fada Veio Me Visitar, de Thalita Rebouças, 41 . E os planos profissionais não param por aí. Klara ainda lançará um livro em parceria com a escritora Luiza Trigo, 27, contando histórias inspiradas na vida de um adolescente. 


Princesinha do papai?
Pela primeira vez no teatro, a experiência no palco não foi o que mais assustou Klara. No peça, ela contracena com o ator Ghilherme Lobo, 21, e deu seu primeiro beijo profissional. “Foi assustador, pois percebi que estava em transição. Mas o Gui é uma pessoa incrível, acolhedor, muito fofo. Todo o ambiente foi calmo, então, fluiu tranquilamente. Mas, claro, meu primeiro pensamento foi: ‘Oh Deus, não sou mais criança, agora eu beijo na boca!’”, diverte-se. Apesar da expectativa, a atriz revela que a cena não chocou os pais, Karla, 38, e Cláudio Castanho, 40. “Meu primeiro beijo foi aos 13 anos. Em casa não temos segredos. Quando eu contei para meus pais, minha imagem desmistificou, a princesinha do papai morreu! Para eles, eu era quase intocável!”, brinca.


Cabeça velha
Mesmo com pouca idade, Klara respira confiança e, garante, o trabalho a ajudou na passagem da infância para a adolescência. “Por conta da carreira, desde cedo corri atrás do que queria e, acredito, em comparação às meninas da minha idade, desenvolvi uma maturidade maior. Não digo que sou mais inteligente ou mais esperta, mas assumir um carreira muito jovem fez com que eu tivessse uma cabeça mais velha. Muitas meninas vivem em um mundinho irreal, sem pensar nas consequências do amanhã. Crescer com responsabilidades me fez ter outra visão da vida e isso me diferencia”, explica.


Com os pés no chão
Completando dez anos de carreira, desenvolver-se frente às telas nunca foi um problema para Klara. A estrela revela que a ajuda dos pais foi fundamental para sua evolução e anuncia que, após deixar a escola, pretende cursar Publicidade e Propaganda para ter um outro foco. Porém, não planeja abandonar a carreira de atriz. “Gosto muito do que faço. É um mundo fantástico, mas nunca me maravilhei. Sempre recebi cuidado em casa e meus pais me prepararam para a queda. Hoje, estou em cartaz, mas e amanhã? A minha família é a base para qualquer coisa que eu vá fazer na vida”, diz