Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!
Exclusivas / ETERNA

Há 54 anos, Dercy Gonçalves comandava programa marcado por polêmicas, saia justa com patrocinadores e censura

Conhecida por sua sinceridade, ela comandava o 'Dercy de Verdade', um marco na história do humor na TV

Gabriela Cunha Publicado em 04/08/2021, às 15h00

Conhecida por sua sinceridade, a eterna Dercy Gonçalves comandava a atração de enorme sucesso da emissora - Reprodução/TV Globo
Conhecida por sua sinceridade, a eterna Dercy Gonçalves comandava a atração de enorme sucesso da emissora - Reprodução/TV Globo

Em 1967, a grade da TV Globo era marcada por um dos programas de auditório de maior polêmica de sua história: Dercy de Verdade. Apresentado pela saudosa Dercy Gonçalves e dirigido por João Lorêdo, o programa estreava há exatos 54 anos, substituindo o teleteatro Dercy Comédias.

A humorista de Santa Maria Madalena, no interior do Rio de Janeiro, fazia sucesso ao comandar gincanas, entrevistas e, com a participação do auditório, discutia temas relevantes - sempre com seu jeito espontâneo e desbocado. Na época, a atração era produzida em São Paulo e transmitida ao vivo todas as segundas-feiras às 20h. Em janeiro de 1969, em meio a ditadura militar, Dercy de Verdade teve que mudar seu horário. A atração começou a ser exibido às 20h30 da noite.

Entre os vários temas que nortearam a atração, as competições de escolas de sambas durante o carnaval, o plano executivo de retirada das favelas da Zona Sul do Rio de Janeiro e até o tratamento do câncer e a condição dos índios brasileiros foram destaque durante sua exibição. Assim como em Dercy Espetacular (1966), Dercy Gonçalves entrevistou alguns personagens curiosos e até bizarros, como o padre cantor de iê-iê -iê e um homem com dois pâncreas.

CONFUSÕES

Conhecida por sua sinceridade, Dercy acabou causando problemas envolvendo grandes patrocinadores da emissora. “Uma foi com a Coca-Cola, grande cliente da Globo. A Dercy, falando de si mesma, revelou no ar: 'Eu só tomo Coca-Cola. É ruim, mas todo mundo bebe' ", conta Boni, diretor de longa data da Globo, em seu livro.

Outra foi com o extinto Banco Nacional de Habitação (BNH), que pôs fim a um movimento em que artistas expressaram opiniões positivas sobre o financiamento de suas casas. Mas a artista confunde BNH com BCG (vacina contra tuberculose). "Olha, eu não acredito nesse BNH. Não adianta porra nenhuma. Fiquei tuberculosa com BNH e tudo. Essas coisas que o governo dá de graça. Não funcionam. BNH é uma merda", disse ela na época.

Segundo Boni, no dia seguinte as pessoas fizeram fila no posto avançado do BNH, na esperança de receber sinais deles, e têm direito a esses sinais na saída."A Globo precisou explicar nos telejornais que a Dercy havia feito uma confusão", enfatizou.

CURIOSIDADES

Entre os papéis que a atriz pode desempenhar no espetáculo, destaca-se a hilária Lili Querubina - que, após dez anos, inspirou o apelido da assaltante de bancos  Djanira Suzano, conhecida como “Lili Carabina”.

Dercy de Verdade também apresentou atrações musicais, como o grupo Os Mutantes, que foi convidado após grande sucesso em festivais de música nacionais e internacionais.

CENSURA

Em 22 de setembro de 1969, o programa foi suspenso por 15 dias após punição da Censura Federal. Segundo os censores, a atração violou os artigos 12 e 18 do Decreto nº 61123, de 1º de agosto de 1969, que proíbe alterações em m programas já aprovados pela Censura.

A atriz voltou para a emissora somente nos anos 1980, quando foi convidada para participar de novelas, como Que Rei Sou Eu? (1989) e Deus nos Acuda (1992), além do quadro Jogo da Velha, do Domingão do Faustão.

MORTE

No dia 19 de julho de 2008, Dercy Gonçalves morreu em decorrência de uma pneumonia grave que evoluiu para insuficiência respiratória. Ela tinha 101 anos e faleceu no Hospital São Lucas, em Copacabana, Zona Sul do Rio.