Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!
BBB / BBB21

No Encontro, Lucas Penteado revela que postura de Lumena foi a gota d'água: "Não olhou no meu olho"

Em sua primeira aparição na TV, ele abriu o coração ao falar do momento em que assumiu sua sexualidade

Redação Contigo! Publicado em 09/02/2021, às 10h02 - Atualizado às 10h19

BBB21: Lucas revela que se sentiu seguro para assumir sexualidade - Reprodução/Instagram
BBB21: Lucas revela que se sentiu seguro para assumir sexualidade - Reprodução/Instagram

O ator Lucas Penteado fez sua primeira aparição na TV após desistir do Big Brother Brasil 21.

No Encontro desta terça-feira (9), ele revelou que ficou surpreso com a recepção fora da casa.

"Ver os vídeos, receber o acolhimento. Muito obrigado receber todas as imagens, todos os posts. Eu estava lá dentro para realizar o sonho que eu tenho, comprar uma casa pra minha mãe. Muita gente na periferia trabalha a vida inteira e não consegue, então o filho da dona de casa quer ter um lugar digno pra ela poder se aposentar (...) e tudo isso estava passando pela minha cabeça", declarou.

Ele também disse que a postura de Lumena foi mesmo o momento que ele decidiu 

"A não aceitação de uma semelhante foi um ponto final. Eu já tinha pensando em sair porque não tinha sentido uma boa energia. E uma vozinha me dizia pra sair", declarou ela; 

"Independente da opressão que nós vivemos, também existe a reprodução dessa opressão. Houve um julgamento da parte dela, não sei porque. Imagino que ela vai conversar comigo. A pressão do jogo fez ela pensar isso. Não entendi porque ela não olhou no meu olho e me perguntar quem eu era eu. O conselho que eu ia pedir era o que eu faço. Você era uma mina, foda, preta, da periferia, eu queria saber onde encontro essa coragem".

SEXUALIDADE

Na conversa, ele também abriu o jogo sobre sua sexualidade e disse que aqui fora algumas pessoas sabiam.

"Eu não me assumi no programa [...] como eu sou ator, a minha vida pessoal não era pública. Eu conversei com a minha família, poucas pessoas me conhecem. Eu acho que existe uma pergunta dentro da gente: se eu fosse só eu, o que eu sou dentro, o que o mundo veria? Eu entrei no Big Brother e me senti seguro. Porque aqui fora é opressor, havia uma doença. Eu pensei: estou seguro. Mas eu vi que não, eu vi seres humanos como eu vejo aqui fora."