Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!
BBB / EITA!

Ex-BBB Camilla de Lucas desabafa após atitude de Giovanna Ewbank: "Quando é negro, é vitimismo"

Ex-BBB Camilla de Lucas desabafa, elogia postura da apresentadora, mas propõe reflexão

Redação Contigo! Publicado em 31/07/2022, às 14h18

Ex-BBB Camilla de Lucas desabafa após atitude de Giovanna Ewbank: "Quando é negro, é vitimismo" - Reprodução/Instagram
Ex-BBB Camilla de Lucas desabafa após atitude de Giovanna Ewbank: "Quando é negro, é vitimismo" - Reprodução/Instagram

A ex-BBB Camilla de Lucas desabafou nas redes sociais e propôs uma reflexão sobre o momento em que a atriz Giovanna Ewbank defendeu os filhos de ofensas realizadas por uma mulher em uma praia em Portugal.

Neste domingo (31), ela disse que todos os brancos precisam lembrar que tem que agir da mesma forma em situações de preconceito. 

"Gostaria de dizer que é necessário você enquanto homem e mulher branca, ter a mesma atitude da Giovanna e do Bruno. E também dar o mesmo apoio para pessoas negras que tem essa atitude, porque numa situação como essa, nós seríamos expulsos do local porque até nisso não temos direito!", declarou ela. 

Ela disse que a postura da apresentadora foi a esperada, já que ela se envolve nesse debate com verdade. "Eu realmente não esperava o mínimo da Giovanna, porque ela como mulher branca entende de fato o que nós vivemos. E saibam que o dinheiro que a gente tem não permite acesso. Negro rico é sempre visto como negro diante do racista."

Ao final, ela ainda questionou os seguidores. "E que quando uma pessoa negra também reclamar de racismo ou apontar vocês parem de dizer que é mimimi. Porque é aquilo, negro denunciando racismo é vitimismo né?", ironizou ela. 

Veja:

SE PRONUNCIOU

A atriz Giovanna Ewbank se pronunciou pela primeira vez após o episódio doloroso que enfrentou ao lado dos filhos durante as férias em Portugal.

Neste domingo (31), ela se pronunciou brevemente ao jornal O Globo após partir para cima de uma mulher que fez ataques racistas contra seus filhos.

"Vamos passar por cima dos racistas", disse ela que ainda não se pronunciou nas redes sociais.