Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!
BBB / BBB 22

BBB22: “Não sou homem, não sou mulher, sou travesti”, exalta Linn da Quebrada

Durante apresentação dos participantes do reality, cantora fez um discurso poderoso sobre sua vida e chamou atenção de Gil do Vigor

Redação Contigo! Publicado em 20/01/2022, às 19h21

Linn da Quebrada se apresentando para os outros participantes do BBB22 - Reprodução/Globo
Linn da Quebrada se apresentando para os outros participantes do BBB22 - Reprodução/Globo

Com a casa do BBB22 finalmente completa, os participantes do reality resolveram se apresentar uns para os outros na tarde desta quinta-feira (20). Linn da Quebrada, uma das últimas a entrar na mansão, após ter Covid-19, a cantora fez um discurso poderoso sobre sua vida. 

"Tenho 31 anos, sou cantora, atriz, apresentadora, agitadora cultural, artista. E ser artista não é estar na frente do palco. Tem a ver com a possibilidade de você criar sob as suas possibilidade e suas relações", começou a cantora.

"Tenho tentando entender 'quem sou eu?' para além do que eu faço na vida. Eu não sou só cantora... Tenho uma cachorra, uma mãe. Sou filha da Dona Lilian, de 68 anos. Estou aqui também por ela, para garantir uma velhice mais confortável para a minha mãe. Sou chorona, determinada, corajosa, mas tenho muito medo. Sou complexa. Eu fracassei. Sou um fracasso de tudo que esperavam que eu fosse. Não sou homem, não sou mulher, sou travesti! Essa sou eu e por isso estou aqui". 

Ao final do discurso, a casa do BBB22 aplaudiu Linn da Quebrada, que foi chamada de "maravilhosa" por uma das sisters. E quem também adorou as palavras da cantora foi Gil do Vigor, que escreveu nas redes sociais: "Eu já vi esse vídeo um milhão de vezes e não consigo parar! Que aula. E o final, é de um poder. Eu estou rendido gente!"

Desabafo

Em conversa com alguns colegas de confinamento, a atriz Linn da Quebrada desabafou sobre a insegurança de tomar banho.

"Eu estava muito preocupada, imaginando várias situações que poderiam ocorrer que pudessem me deixar constrangida. Estou morrendo de medo da hora do banho. É isso, né, sou uma travesti. Fico pensando nessas neuras, tem que lavar. Se vaza alguma coisa, alguém lá fora, o que podem fazer", afirmou.