Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!
BBB / Polêmica

BBB20: Participante paraense tem processo de agressão contra a ex-mulher

Hadson Nery foi apresentado como participante do reality no último final de semana

Redação Contigo! Publicado em 20/01/2020, às 12h53 - Atualizado às 13h08

Hadson Nery foi apresentado como participante do reality no último final de semana - Reprodução/Globo
Hadson Nery foi apresentado como participante do reality no último final de semana - Reprodução/Globo

Os participantes do Big Brother Brasil 20 mal foram revelados e o público já descobriu alguns podres do passado deles.

O paraense Hadson Nery, ex-jogador de futebol de 38 anos, foi processado pela ex-mulher Elen Cristina Vara Nery, por violência doméstica.  

A denúncia foi feita e registrada no Tribunal de Justiça do Estado do Pará em 2018.

Ela entrou com processo de medida protetiva duas vez, mas o ex-jogador não contestou a denúncia.

A primeira vez que Elen solicitou a medida protetiva foi em julho de 2018, onde ela alegou ter sido vítima de perturbação da tranquilidade por Hadson. Assim o juiz determinou que o ex-atleta deveria ficar pelo menos 100 metros longe da mãe de seus filhos, além de não poder frequentar sua casa, nem tentar algum contato com ela.

Dois meses após a primeira determinação, Nery foi intimado a comparecer pessoalmente no Fórum Criminal da Comarca de Belém, já que o mesmo não cumpriu a primeira intimação. A sentença final, em outubro de 2018, o juiz manteve a medida protetiva com o prazo de um ano. Mas o  processo foi extinto, pois a ex-mulher de Nery não se manifestou para a renovação da decisão.

Não é a primeira vez que a Globo seleciona um participante com histórico de agressão. Recentemente, no BBB19, Vanderson Brito chegou a ser investigado pela polícia após denúncias de importunação sexual, agressão e estupro, mas foi inocentado.