Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!
BBB / EITA!

Após críticas por comemorar sucesso da música nordestina, ex-BBB Flay rebate: ''Querem me desmoralizar''

Irritada com a situação, cantora responde seguidores e afirma que internautas tentam distorcer suas falas

Redação Contigo! Publicado em 30/08/2021, às 15h42

Após críticas por comemorar sucesso da música nordestina, ex-BBB Flay rebate - Instagram
Após críticas por comemorar sucesso da música nordestina, ex-BBB Flay rebate - Instagram

Na madrugada desta segunda-feira (30), Flay decidiu rebater as críticas que recebe de alguns internautas após celebrar o atual sucesso da música nordestina.

Tudo começou quando a ex-BBB falou que, pela primeira vez na história, a música do nordeste estava alcançando uma projeção nacional e que, finalmente, estava sendo ouvida por todo o Brasil, e não apenas na região.

Após a análise da cantora, muitos internautas criticaram e trouxeram nomes de artistas nordestinos que ganharam notoriedade e são conhecidos nacionalmente como Luiz Gonzaga, Alceu Valença e Ivete Sangalo.

A ex-sister então rebateu as críticas e explicou melhor o ponto de vista ao falar sobre o sucesso de músicos nordestinos. Ela também relembrou os ataques que sofreu após sua participação no Big Brother Brasil 20 e falou sobre as comparações entre ela e Juliette Freire, campeã do BBB21.

“O twitteiro é assim, acabaram comigo no BBB20, me jogavam tanto ‘hate’ que, se eu não fosse muito forte, eu teria caído em depressão, como alguns colegas caíram. Aí quando alguém que não me dei bem lá dentro faz merd* aqui fora, eles vêm me enaltecer só pra tacar ‘hate’ na outra pessoa", iniciou. 

“Daí Juliette decidiu ser cantora, tuiteiro decidiu me enaltecer só pra desmerecer, descredibilizar e diminuir o talento de Juliette, mesma coisa que faz comigo diariamente. Decido comemorar o momento viral que o Nordeste está passando, tuiteiro decide enaltecer nossos representantes, com o único intuito de desmerecer a gente”, disparou. 

LOCAL DE FALA

A musa relembrou ainda que, como artista nordestina, essa é seu local de fala. Sincera, ela disse que as pessoas estão sempre tentando distorcer as coisas ditas por ela.

"Nós somos gratos a quem veio antes da gente e fez história e isso não quer dizer que a gente tenha que abaixar a cabeça e não possa vibrar pelo nosso momento, esse é o meu lugar de fala como artista nordestina, respeitem!". 

"Eles não cansam de distorcer o que eu falo pra lacrar… Cheguei a ler que sou uma mulher padrão e que por isso só escuto sertanejo e no máximo um funk… Oi??? Fora outras várias merd*s que sou obrigada a ler, uma baboseira sem tamanho, querem me desmoralizar a todo custo", finalizou. 

Veja: