Morre, aos 73 anos, o radialista Paulo Barboza

Ele sofreu um infarto fulminante na madrugada de segunda-feira (16)

Redação Contigo!

Paulo Barboza | <i>Crédito: Reprodução/Instagram
Paulo Barboza | Crédito: Reprodução/Instagram

O radialista Paulo Barboza morreu na madrugada desta segunda-feira (16), aos 73 anos, após sofrer um infarto fulminante. Um dos grandes nomes do rádio e da televisão no Brasil, ele acumulava quase 60 anos de carreira, passando por diversas rádios. A televisão também fez parte de sua trajetória: em 1988, ele estreou, na Record TV, o Programa Paulo Barboza.

Na manhã de hoje, o filho do radialista, Paulo Eugênio Barboza, concedeu uma entrevista, ao vivo, para o jornalístico São Paulo no Ar e exprimiu com exatidão o significado desta perda: “O rádio hoje está bem mais triste. É um livro que se fecha. Mais uma voz que se cala”.

16/04/2018 - 12:24


Conecte-se

Revista Contigo!