Recado do Jorge: O adeus a João Paulo Adour, galã dos anos 70 e 80

O ator, morto aos 78 anos, pode não ter sido um astro, mas marcou época em novelas como Gabriela, As Três Marias e Brilhante

terça 4 setembro, 2018
O ator abandonou a carreira para cuidar da fortuna da família
O ator abandonou a carreira para cuidar da fortuna da família Foto:Arquivo

João Paulo Adour foi uma figurinha carimbada em novelas da Rede Globo, dos anos 1970 e 1980. O carioca teve bons papeis em ‘O Bem-Amado’ (1973), ‘Gabriela’ (1975), ‘As Três Marias’ (1980) e ‘Brilhante’ (1981), mas sempre como coadjuvante. A cada novo trabalho todo mundo ficava com a impressão de que “agora a carreira dele iria decolar”. Mas não rolou! Ele nunca chegou ao primeiro time, como seus contemporâneos Tarcísio Meira, Francisco Cuoco, Claudio Marzo, José Wilker, Mario Cardoso, Marcos Paulo, Eduardo Tornaghi e José Wilker, mas trilhou uma carreira digna e que parecia ser longeva.


Nos bons tempos de Selva de Pedra, com Sonia Braga e Edney Giovenazzi
 

Em cena de As Três Marias, com Maitê Proença

Em 1984 fez sua derradeira novela na Globo, ‘Corpo a Corpo’, de Gilberto Braga, e migrou para a extinta Rede Manchete para participar de ‘Novo Amor ‘(1986), trama escrita por Manoel Carlos. Talvez, longe de tantas estrelas de sua antiga emissora, ele pudesse finalmente conquistar o protagonismo. Mas o Miguel acabou sendo seu último trabalho. O precoce fim de sua carreira, segundo entrevista para a CONTIGO! em 1994, teria sido a necessidade de gerir os negócios de sua família. "Viajei pelos Estados Unidos e pela França. Fiz vários cursos, um filme franco-português. Fiquei indo e vindo até 1993, quando retornei definitivamente”, contou ele que, como herdeiro de uma bela fortuna, nunca precisou de salário para sobreviver.


Com a vedete Virgínia Lane, em 2009

João Paulo passou os anos seguintes como um típico playboy, até a tarde da segunda 03, quando foi encontrado morto em seu apartamento na Gávea, Zona Sul do Rio, de causa ainda não revelada. Para quem viveu os anos dourados da TV, mesmo não tendo sido um astro João Paulo Adour marcou época e deixou saudades.


A entrevista de 1994 para a CONTIGO!

Jorge Luiz Brasil
Leia Mais:

Receba em Casa

Vídeos

NOVELAS

  1. 1 João Baldasserini muda seu visual para ‘O Tempo Não Para’
  2. 2 O Sétimo Guardião – Resumo dos Capítulos de 19 a 24/11/2018
  3. 3 O Tempo não para – Resumo dos Capítulos de 19 a 24/11/2018
  4. 4 Fabiula Nascimento fica loiríssima
  5. 5 Espelho da Vida – Resumo dos Capítulos de 19 a 24/11/2018