Fabiana Carla conta que está parando de comer carne

Contigo! visita set de filmagens de Uma Pitada de Sorte, primeiro longa protagonizado pela atriz, que enxugou o manequim

Por Ligia Andrade

Fabiana Karla nos bastidores do filme Uma Pitada de Sorte | <i>Crédito: Fotos: Fabrizia Granatieri
Fabiana Karla nos bastidores do filme Uma Pitada de Sorte | Crédito: Fotos: Fabrizia Granatieri
Fabiana Karla não sabe dizer se é uma cozinheira de mão cheia. Porém, logo a atriz pernambucana de 41 anos deixa escapar que seus pratos têm saída, sim, e que não sobra nada na mesa! É boa em fazer lanche, almoço – feijão, carne, arroz, frutos do mar – e sobremesa. “Tenho mania de fazer café da manhã para os amigos. É difícil falar do próprio tempero. Mas agrada!”, diverte-se ela no set de filmagens de Uma Pitada de Sorte. Na comédia dirigida por Pedro Antonio, 35, prevista para estrear em dezembro, ela vive Pérola, uma animadora de festas infantis que almeja ser uma chef de cozinha renomada. “Por mais que pareça corrida e atrapalhada, ela tem um senso de responsabilidade que se assemelha ao meu e é persistente, outra característica que se aproxima de mim.” Foram cinco semanas intensas. Fabiana sentiu na pele a responsabilidade de ser o carro-chefe de uma superprodução. “Foi um trabalho grande, com madrugadas envolvidas e dias exaustivos e maravilhosos. É minha primeira protagonista e, por isso, tem um sabor muito especial”, festeja ela, que passou por situações inusitadas. “Vestida de galinha, corri na rua, sob um sol de quase 40 graus, tremi na base. Achavam que estava representando, na verdade, estava fraca”, recorda. 

A atriz interpreta Pérola no longa de Pedro Antonio, uma animadora de festas infantis que sonha em ser chef conceituada

A atriz e humorista acredita que todo mundo quer ter uma pitada de sorte na vida. “Posso dizer que tive várias, sempre. E continuo tendo. Que não me falte esse tempero, pelo amor de Deus (risos).” Se não estiver com sono ou fome, é difícil tirar o sorriso da atriz. “O que mais me desestrutura é falta de respeito, injustiça, preconceito, seja comigo ou com o próximo. Aprendi a ter dispositivos para viver com bom humor. Acho que você pode dar comandos para o seu corpo a fim de viver de forma agradável. É um exercício diário”, ensina. 

Versão loira x morena
Depois de uma fase loiríssima, Fabiana voltou a ficar morena. “Foi difícil me acostumar, apesar de o cabelo mais claro dar trabalho. Olha que curioso: desde que comecei a pensar no filme, imaginei a Pérola loira, então fui clareando aos poucos. No entanto, a produtora achou que deveria voltar ao cabelo que o Brasil conhece. Tudo bem também. Gosto de modificar sempre e, quando é em prol de uma personagem, é superválido. Gosto das duas versões. Uma é doce e a outra é mais brilhante. Meu marido gosta das duas (risos).” Mesmo com toda essa correria, Fabiana conseguiu organizar a alimentação com a ajuda de sua nutricionista. Resultado: acabou perdendo alguns quilinhos. “Ela colocou todo um cardápio à minha disposição para que eu me sentisse bem nesse ritmo de filmagens. E acabou que isso enxugou um pouco o manequim, não era uma meta. Minha alimentação está mesmo caminhando para o vegetarianismo por questões idealistas e de compaixão”, destaca. Uma de suas inspirações é o filho Samuel, 17 – ela ainda é mãe de Laura, 18, e Beatriz, 19. “Ele é vegano e eu também já passei muito tempo sem comer carne. Mas, com um marido uruguaio, às vezes, é difícil conseguir fugir de um churrasco no fim de semana. Estou tentando evitar e cortar aos pouquinhos. Já faz tempo que venho buscando coisas mais saudáveis e orgânicas.”

Fabiana tem acompanhamento de uma nutricionista e está querendo seguir os passos do filho vegetariano

Autoestima vem de casa
De bem com a vida e com o corpo, Fabiana Karla é uma das referências de moda plus size e tem até uma grife de roupas e acessórios comercializada por meio de um catálogo. A autoestima, diz que veio de um lar cercado de amor. Simples assim. “Sempre fui essa pessoa que gosta de se arrumar e é vaidosa”, admite. Casada com o empresário Bruno Muniz, 34, ela destaca a relação de parceria com o marido, com quem está há cerca de sete anos. “Gostamos de passear e não abrimos mão de estar próximos e fazer bem um ao outro. Levar café da manhã, essas coisas. Um dos segredos é a gentileza. Ele é muito gentil comigo e retribuo, isso é o que funciona.” 

Fabiana Karla é mãe de três filhos e é uma das musas da moda plus size

Extremamente pontual e metódica, Fabiana se considera uma escrava do tempo. “Quando muda qualquer coisa em relação à agenda e horários, isso mexe comigo e me desestrutura”, assume a atriz, que adorou chegar à idade da loba. “Estou me sentindo exatamente como uma pérola saindo da ostra. Veio uma coisa boa com essa idade: a maturidade, as experiências.” 
Com o fim das filmagens de Uma Pitada de Sorte, ela investe em outros projetos, entre eles o longa Lucicreide Vai a Marte, no qual também é produtora executiva. Depois de se aventurar pela literatura infantil em O Rapto do Galo, pretende escrever mais duas publicações, Gordelícias e Mães Com Açúcar. “Esse vai ser inspirado na minha avó e traz quase um almanaque de pessoas com receitas que lembrem suas respectivas avós”, adianta. 

13/04/2017 - 19:00

Conecte-se

Revista Contigo!