Bárbara Maia, a Luiza de Malhação, quer tentar carreira internacional

Ela, que é a filha de Deborah Secco na ficção, deseja ser uma artista completa

Por Daniel Lopes / Fotos: Allan Amim

Bárbara Maia de Malhação | <i>Crédito: Fotos: Allan Amim
Bárbara Maia de Malhação | Crédito: Fotos: Allan Amim
Bárbara Maia, 17 anos, não tem do que reclamar. A jovem atriz é destaque em Malhação (Globo), namora há um ano e oito meses com o estudante Rafael Serra, 17, e ainda é comparada com ninguém menos do que Deborah Secco, 37, sua mãe na ficção. “Me acho muito parecida com ela, acho que temos traços semelhantes. Ela é uma mãezona na vida real também, muito parceira. Deborah me dá vários toques, passa um pouco de sua experiência. Foi com ela que aprendi que a vida de ator é cheia de altos e baixos e que precisamos sempre continuar estudando”, conta Bárbara, em entrevista à CONTIGO!

A atriz de 17 anos já namora há um ano e oito meses

Trabalhando como atriz desde os 10 anos, Bárbara revela que o convite para Malhação veio através de uma pegadinha. “Juntaram um grupo de atores para uma suposta próxima fase de testes e aí nos avisaram que já estávamos dentro da novela. Foi a maior choradeira”, relembra. Interpretando Luiza, a atriz diz que a personagem não se parece muito com ela e elogia o companheirismo do elenco. “Ela tem uma insegurança quando se trata do namorado, que não tem nada a ver comigo. Eu sou bem mais simples e direta quando o assunto é romance”, revela. “Nós somos uma grande família dentro e fora do set. Não há espaço para disputa de egos e vaidade, nós estendemos essa amizade para fora dos Estúdios Globo”, conta. 

Bárbara em cena com Deborah Secco e Caio Manhente
Celebridade eu?
Acumulando quase 300 mil seguidores no Instagram, é difícil de acreditar que Bárbara ainda não se dá conta do seu status de estrela. “Não sei se posso dizer que sou famosa. Eu lido muito bem com os meus fãs, converso com eles nas redes sociais e todos me respeitam”, explica. Mesmo com boa parte do dia-a-dia ocupado pelas gravações, a atriz não deixa os estudos de lado. “Ás vezes não dá para manter uma rotina de exercícios e alimentação por esse acúmulo de atividades. São muitas horas gravando e também estudando”, explica. E ela não sonha baixo quando pensa no futuro. “Meu desejo é ser uma artista completa. Quero fazer cursos, me aprimorar... Meu lema é ser feliz! Espero um dia conseguir ser reconhecida nacional e internacionalmente!”, torce. 

19/04/2017 - 17:08

Conecte-se

Revista Contigo!