Coluna da Xuxa Coluna da Xuxa

Xuxa Meneghel escreve carta após perda da mãe: 'Resolvi falar sobre tudo que escutei e senti'

Em desabafo, Xuxa reflete sobre a morte e : 'Ela resistiu o quanto pode'

sexta 29 junho, 2018
Xuxa Meneghel escreve carta após perda da mãe
Xuxa Meneghel escreve carta após perda da mãe Foto:Reprodução/ Arquivo Pessoal Xuxa

Veja mais

Agora que o corpo da minha Aldinha não está mais com a gente, resolvi falar sobre tudo que escutei e senti após a partida dela. Primeiro, achei que não conseguiria respirar, sobreviver. Porém, já ouvi dizer que, quando essas coisas acontecem, a gente fica adormecido, anestesiado ou mesmo protegido por Deus para não sofrer mais do que pode suportar. Assim foi e tem sido até hoje, mais de um mês depois do corpinho dela deixar de estar ao meu lado. Essa situação me fez ver como somos frágeis, fracos e despreparados para tudo isso. O que falar quando alguém importante morre? O que transmitir para aqueles que estão ali, querendo que esse dia desapareça do mapa? Ouvi gente falando de luto e de luta. Me diziam que ela estaria bem e não teria mais sofrimento, pois estava com Deus. Ou, o que foi pior: “Agora você ficará melhor, porque terá vida”. Oi? Quem disse que eu queria ter vida sem ela?

As pessoas (eu, você, nós) não estão preparadas para algo que todos sabemos que acontecerá: morrer ou ver a morte de alguém. Me lembro de tudo como se fosse um filme em que me envolvi nas cenas mais fortes. Nesse roteiro haviam participações especiais, figurantes e quem só estava ali para aparecer. Vi pessoas que não encontrava há muito tempo, cheias de amor e carinho, querendo me dar colo, além de gente que sempre esteve presente e que, se pudesse, dividiria a dor comigo.

ORAÇÃO E DESCOBERTA

O mais louco de toda essa situação? Mesmo a vendo ir dia após dia, deixando de falar e de se mover, até parar de respirar, nunca me preparei para esse momento. Presenciei médicos treinados sofrerem comigo, vi padre ser amigo ao sentir a dor de uma alma frágil ficar órfã, percebi a vulnerabilidade dos meus irmãos que perderam o chão, o rumo, a direção... Observei e senti tudo isso de um lugar não privilegiado. Pessoas que não me conhecem rezaram por minha família e se preocuparam comigo. Isso foi muito louco, pois mesmo sendo uma pessoa pública, não imaginava que poderia deixar esse sentimento dentro das pessoas. Vi pena, compaixão, carinho e amor de quem estava longe ou perto. A

FORÇA DO AMOR

Escrevo tudo isso apenas para dizer que minha mãe é um milagre! Ela resistiu o quanto pode, pois sabia que vocês me ajudariam a levar essa situação da maneira mais leve e correta possível. Esse milagre esperou que eu me preparasse (mesmo sem eu saber se isso é possível) e me fez repensar que, realmente, não somos nada sem amor. Minha Aldinha era puro amor! E esse sentimento respingou até no momento em que ela deixou de estar aqui. Havia amor nos olhares, gestos, mensagens de Whatsapp, recados do Facebook, flores, abraços, choros e risos sem graça de cada um que se aproximou de mim querendo me dar amor. Por isso, só tenho a dizer: mãe, obrigada por, em toda a minha vida, ter me dado tanto amor. E, mesmo depois de não ter mais vida, derramar ainda mais amor por meio de outras pessoas. Muito obrigada!

Xuxa Meneghel
Leia Mais:

Receba em Casa

Vídeos

NOVELAS

  1. 1 Orgulho e Paixão: Julieta e o filho, Camilo, selam a paz em cerimônia dupla de casamento
  2. 2 Hoje em 'Segundo Sol': Beto pede Luzia em casamento
  3. 3 Hoje em 'O Tempo Não Para': Waleska flagra Miss Celine e Elmo se beijando
  4. 4 Hoje em 'Orgulho e Paixão': Edmundo pede Fani em casamento
  5. 5 Hoje em 'Segundo Sol': Jornais falam sobre o caso de Beto Falcão